TOP das passagens bíblicas mais ignoradas pelos TJs : Crenças, Doutrinas e História - Page 4
Seja Bem-Vindo Testemunhas de Jeová - Ex Testemunhas de Jeová. Clique aqui e cadastre-se para participar


TOP das passagens bíblicas mais ignoradas pelos TJs

Debates e discussões acerca das crenças, doutrinas e a história das Testemunhas de Jeová.

Re: TOP das passagens bíblicas mais ignoradas pelos TJs

Nova mensagempor gerom em 18 Fev 2012 18:22

jpboane escreveu:
gerom escreveu:Aproveitando o post da Mayhra (sobre Lucas 9 e Mateus 10), pegando um gancho, não me lembro no momento... qual é o texto que fala que não é pra ir "de casa em casa"? Contrariando o que a Torre diz. Acho que está relacionado com os textos citados por ela.


Aqui está
Lucas 10:07 escreveu:Assim, ficai naquela casa, comendo e bebendo as coisas que provêem, porque o trabalhador é digno de seu salário. Não vos estejais transferindo de casa em casa.


Obrigado JP! m:2

Sumiu do fórum, rapaz! O que aconteceu?

Como vai a 'obra do reino' da Torre em Moçambique? :1 :1 :1

Não suma, não! :mrgreen:
"Se não está explicitamente indicado, está implicitamente excluído"
Avatar de usuário
gerom
Forista
Forista
 
Mensagens: 7356
Data de registro: 28 Jul 2010 11:54
Localização: de volta... SC

Re: TOP das passagens bíblicas mais ignoradas pelos TJs

Nova mensagempor gerom em 18 Fev 2012 18:35

Jamir escreveu:
Mat. 6:3, 4 escreveu:Mas tu, quando fizeres dádivas de misericórdia, não deixes a tua esquerda saber o que a tua direita está fazendo, para que as tuas dádivas de misericórdia fiquem em secreto; então o teu Pai, que está olhando em secreto, te pagará.


Segundo esse texto, o relatório mensal é anti-bíblico!


Muito boa sua observação, Jamir!

Se relacionarmos qualquer obra com "dádivas de misericórdia", o que estaria plenamente correto, então qualquer atividade deveria ficar em secreto e não sair por aí comunicando por meio de relatórios, inclusive por meio de relatório de estudos.

É isso aí! :D1
"Se não está explicitamente indicado, está implicitamente excluído"
Avatar de usuário
gerom
Forista
Forista
 
Mensagens: 7356
Data de registro: 28 Jul 2010 11:54
Localização: de volta... SC

Re: TOP das passagens bíblicas mais ignoradas pelos TJs

Nova mensagempor jositars em 23 Fev 2012 16:57

jpboane escreveu:Outra coisa interessante ignorada pela torre tem a ver com o lugar onde a bíblia coloca a mulher. Não sou a favor da discriminação que a bíblia faz das mulheres, mas a torre (já que se diz seguidora fiel das escrituras) devia ao menos dar explicação do porque violar uma regra tão clara. A questão tem a ver com o silêncio das mulheres nas congregações. Vejam como Paulo expõe isso em 1 Coríntios 14:34, 35
Fiquem caladas as mulheres nas congregações, pois não se lhes permite falar, mas estejam em sujeição, assim como diz até mesmo a Lei. Se, então, quiserem aprender algo, interroguem a seus próprios maridos em casa, pois é ignominioso para uma mulher falar na congregação

Eu não percebo por que regras tão obvias e simples de seguir como esta são ignoradas, quando regras que colocam a vida em perigo (ex. proibição do sangue) são seguidas à risca mesmo não estando explícitas na bíblia.


Bem colocado, se Cristo, por suas ações invalidou o que Paulo disse em 1 Coríntios 14:34-35 sobre o papel da mulher, porque esse mesmo amor enfatizado por Cristo durante todo seu ministério não poderia invalidar, por exemplo, a proibição do sangue, que segundo eles está clara no livro de Atos, escrito pelo mesmo Paulo?

Será que Paulo não colocou algo de si nos textos que escreveu, algo próprio daquela época, impregnado do entendimento humano? Lendo as cartas de Paulo, às vezes penso que sim.
Livres! O respeito ao próximo e a nossa consciência são os únicos limites!
Avatar de usuário
jositars
Forista
Forista
 
Mensagens: 935
Data de registro: 21 Jun 2010 12:28
Localização: Salvador-Bahia

Re: TOP das passagens bíblicas mais ignoradas pelos TJs

Nova mensagempor jositars em 23 Fev 2012 17:36

" ... Porque, eis que eu crio novos céus e nova terra; e não haverá mais lembrança das coisas passadas, nem mais se recordarão.
Mas vós folgareis e exultareis perpetuamente no que eu crio; porque eis que crio para Jerusalém uma alegria, e para o seu povo gozo.
E exultarei em Jerusalém, e me alegrarei no meu povo; e nunca mais se ouvirá nela voz de choro nem voz de clamor.
Não haverá mais nela criança de poucos dias, nem velho que não cumpra os seus dias; porque o menino morrerá de cem anos; porém o pecador de cem anos será amaldiçoado.
Isaías 65:17-20

Quando líamos (no campo e na congregação) o vesículo 17 " ... novos céus e nova terra ..." nunca atentei para a continuação do texto no vesículo 20 que fala sobre a morte, pois, estávamos falando de vida ... eterna!

Perceberam isso? Que explicação a Torre tem?
Livres! O respeito ao próximo e a nossa consciência são os únicos limites!
Avatar de usuário
jositars
Forista
Forista
 
Mensagens: 935
Data de registro: 21 Jun 2010 12:28
Localização: Salvador-Bahia

Re: TOP das passagens bíblicas mais ignoradas pelos TJs

Nova mensagempor Chuck Bartowski em 23 Fev 2012 17:57

jositars escreveu:" ... Porque, eis que eu crio novos céus e nova terra; e não haverá mais lembrança das coisas passadas, nem mais se recordarão.
Mas vós folgareis e exultareis perpetuamente no que eu crio; porque eis que crio para Jerusalém uma alegria, e para o seu povo gozo.
E exultarei em Jerusalém, e me alegrarei no meu povo; e nunca mais se ouvirá nela voz de choro nem voz de clamor.
Não haverá mais nela criança de poucos dias, nem velho que não cumpra os seus dias; porque o menino morrerá de cem anos; porém o pecador de cem anos será amaldiçoado.
Isaías 65:17-20

Quando líamos (no campo e na congregação) o vesículo 17 " ... novos céus e nova terra ..." nunca atentei para a continuação do texto no vesículo 20 que fala sobre a morte, pois, estávamos falando de vida ... eterna!

Perceberam isso? Que explicação a Torre tem?


Jositars, a Torre explica esse texto da seguinte forma no livro de Isaías Vol II:

Que bela representação da segurança que teriam os exilados que iriam voltar para sua restaurada terra natal! A morte prematura não vitimaria um recém-nascido, de apenas alguns dias de vida. Nem uma pessoa de mais idade, que ainda não tivesse completado seu curso normal de vida. Quão reconfortantes eram as palavras de Isaías para os judeus que iriam voltar para Judá! Seguros na sua terra, não precisariam temer que inimigos raptassem os bebês, ou matassem os homens.
O que as palavras de Jeová nos dizem a respeito da vida no vindouro novo mundo? Sob o Reino de Deus, toda criança terá a perspectiva de um futuro seguro. A morte jamais ceifará a vida de uma pessoa temente a Deus, na flor da idade. Em vez disso, a humanidade obediente estará salva, segura, em condições de usufruir a vida. E se alguém decidir rebelar-se contra Deus? Perderá o privilégio de viver. Mesmo se o pecador rebelde tiver “cem anos de idade”, morrerá. Nesse caso, será um “mero rapaz” em comparação com o que se poderia ter tornado — um homem de vida sem fim.
Avatar de usuário
Chuck Bartowski
Forista
Forista
 
Mensagens: 61
Data de registro: 25 Nov 2011 16:18

Re: TOP das passagens bíblicas mais ignoradas pelos TJs

Nova mensagempor Ben em 23 Fev 2012 18:01

jositars escreveu:" ... Porque, eis que eu crio novos céus e nova terra; e não haverá mais lembrança das coisas passadas, nem mais se recordarão.
Mas vós folgareis e exultareis perpetuamente no que eu crio; porque eis que crio para Jerusalém uma alegria, e para o seu povo gozo.
E exultarei em Jerusalém, e me alegrarei no meu povo; e nunca mais se ouvirá nela voz de choro nem voz de clamor.
Não haverá mais nela criança de poucos dias, nem velho que não cumpra os seus dias; porque o menino morrerá de cem anos; porém o pecador de cem anos será amaldiçoado.
Isaías 65:17-20

Quando líamos (no campo e na congregação) o vesículo 17 " ... novos céus e nova terra ..." nunca atentei para a continuação do texto no vesículo 20 que fala sobre a morte, pois, estávamos falando de vida ... eterna!

Perceberam isso? Que explicação a Torre tem?


Josi, a explicação dada é que no Milênio, mesmo que um dos ressuscitados ou dos da grande multidão pecar gravemente, poderá morrer. A frase seguinte explica isso (Isaías 65:20) . . .e quanto ao pecador, embora tenha cem anos de idade, invocar-se-á sobre ele o mal. . .
"A quantidade de alimentos necessária para cada ser humano é aquela que cabe na concavidade de suas mãos unidas" - Buda
Avatar de usuário
Ben
Desativado a pedido do usuário
 
Mensagens: 4248
Data de registro: 17 Nov 2008 12:05

Re: TOP das passagens bíblicas mais ignoradas pelos TJs

Nova mensagempor jositars em 23 Fev 2012 19:17

Ben escreveu:
jositars escreveu:" ... Porque, eis que eu crio novos céus e nova terra; e não haverá mais lembrança das coisas passadas, nem mais se recordarão.
Mas vós folgareis e exultareis perpetuamente no que eu crio; porque eis que crio para Jerusalém uma alegria, e para o seu povo gozo.
E exultarei em Jerusalém, e me alegrarei no meu povo; e nunca mais se ouvirá nela voz de choro nem voz de clamor.
Não haverá mais nela criança de poucos dias, nem velho que não cumpra os seus dias; porque o menino morrerá de cem anos; porém o pecador de cem anos será amaldiçoado.
Isaías 65:17-20

Quando líamos (no campo e na congregação) o vesículo 17 " ... novos céus e nova terra ..." nunca atentei para a continuação do texto no vesículo 20 que fala sobre a morte, pois, estávamos falando de vida ... eterna!

Perceberam isso? Que explicação a Torre tem?


Josi, a explicação dada é que no Milênio, mesmo que um dos ressuscitados ou dos da grande multidão pecar gravemente, poderá morrer. A frase seguinte explica isso (Isaías 65:20) . . .e quanto ao pecador, embora tenha cem anos de idade, invocar-se-á sobre ele o mal. . .


Ela pode até explicar, mas, não convence, o texto acima NÃO diz que "... porque o menino de cem anos que pecar morrerá ..." , depois é que fala do pecador, separando este de menino e velho, inclusive fala do "... velho que não cumpra os seus dias".

Aplicávamos esse texto para atrair pessoas, mostrando que tudo seria novo, se algum morador tivesse me chamado atenção para essa parte que fala do limite da vida, teria ficado confusa e essa explicação da Torre não tem nada a ver, ela está colocando palavras onde não existe.
Livres! O respeito ao próximo e a nossa consciência são os únicos limites!
Avatar de usuário
jositars
Forista
Forista
 
Mensagens: 935
Data de registro: 21 Jun 2010 12:28
Localização: Salvador-Bahia

Re: TOP das passagens bíblicas mais ignoradas pelos TJs

Nova mensagempor Ben em 24 Fev 2012 12:47

jositars escreveu:
Ben escreveu:
jositars escreveu:" ... Porque, eis que eu crio novos céus e nova terra; e não haverá mais lembrança das coisas passadas, nem mais se recordarão.
Mas vós folgareis e exultareis perpetuamente no que eu crio; porque eis que crio para Jerusalém uma alegria, e para o seu povo gozo.
E exultarei em Jerusalém, e me alegrarei no meu povo; e nunca mais se ouvirá nela voz de choro nem voz de clamor.
Não haverá mais nela criança de poucos dias, nem velho que não cumpra os seus dias; porque o menino morrerá de cem anos; porém o pecador de cem anos será amaldiçoado.
Isaías 65:17-20

Quando líamos (no campo e na congregação) o vesículo 17 " ... novos céus e nova terra ..." nunca atentei para a continuação do texto no vesículo 20 que fala sobre a morte, pois, estávamos falando de vida ... eterna!

Perceberam isso? Que explicação a Torre tem?


Josi, a explicação dada é que no Milênio, mesmo que um dos ressuscitados ou dos da grande multidão pecar gravemente, poderá morrer. A frase seguinte explica isso (Isaías 65:20) . . .e quanto ao pecador, embora tenha cem anos de idade, invocar-se-á sobre ele o mal. . .


Ela pode até explicar, mas, não convence, o texto acima NÃO diz que "... porque o menino de cem anos que pecar morrerá ..." , depois é que fala do pecador, separando este de menino e velho, inclusive fala do "... velho que não cumpra os seus dias".

Aplicávamos esse texto para atrair pessoas, mostrando que tudo seria novo, se algum morador tivesse me chamado atenção para essa parte que fala do limite da vida, teria ficado confusa e essa explicação da Torre não tem nada a ver, ela está colocando palavras onde não existe.


Josi,

Pelo que já pesquisei, não só as tjs acreditam que no milênio apenas os injustos morrerão. Veja abaixo:

O MILÊNIO
APOCALIPSE 20:1-6 E ISAíAS 11

O reino de Cristo sobre a terra por mil anos, ou o "milênio", tem a sua duração definida apenas nos versículos 1 a 6 do Apocalipse. Em outras partes das Escrituras o reino de Cristo é chamado "eterno". Realmente não haverá uma interrupção no supremo reino de Cristo na terra, e perdurará através dos "novos céus e nova terra" que virão depois, mas o fim do milênio é marcado pela libertação de Satanás que irá então enganar as nações para se revoltarem, mas tanto ele como os revoltosos serão derrotados.

O milênio, portanto, é uma etapa inicial do reino eterno, e ao fim dela haverá uma triagem em que os infiéis, sucumbindo à tentação de Satanás, serão mortos.

Nesta passagem do Apocalipse lemos que os mártires da tribulação serão ressuscitados e reinarão com Cristo durante o milênio sendo esta a primeira ressurreição. A primeira ressurreição se iniciou com Cristo, "as primícias", depois os que são de Cristo, a sua igreja (1 Coríntios 15:20-23), as duas testemunhas da tribulação (Apocalipse 11:11-12) e, por fim, depois da tribulação ou seja, pouco mais de sete anos depois da igreja, os justos restantes de todos os tempos (Isaías 26:19; Daniel 12:2), incluindo os que foram mortos durante a tribulação (Apocalipse 20:4-6).

O teor desses versículos implica que haverá apenas mais uma ressurreição: a segunda ressurreição, mil anos depois, de todos os injustos, ao fim do milênio.

Nada encontramos sobre a morte de justos durante o milênio, mas temos estes esclarecimentos:

tratando do milênio, Isaías 65:20 nos informa que "não haverá mais nela criança para viver poucos dias, nem velho que não cumpra o seus; porque morrer aos cem anos é morrer ainda jovem, e quem pecar só aos cem anos será amaldiçoado".

isto nos ensina que não haverá mortalidade infantil: todos chegarão até certa idade; haverá quem morra "ainda jovem" aos cem anos; os que pecam só aos cem anos "serão amaldiçoados".

viver durante o reino de Cristo durante o milênio será uma bênção destinada aos justos (como nas muitas parábolas do Reino) portanto os iníquos não têm lugar ali, mas qualquer pessoa só será julgada e amaldiçoada (morrendo), aos cem anos - tempo suficiente para aprender, decidir, errar, corrigir-se.

Deduzimos, portanto, que a morte no milênio é destinada aos injustos. Os justos viverão até o fim. Não tendo morrido, não precisam ser ressurrectos. Jeremias 31:31-34 parece indicar que todos os judeus, durante o milênio, serão fiéis ao Senhor. Veja também Zacarias 8:4.

Fonte: http://www.bible-facts.info/comentarios ... ilenio.htm


Considero este um dos artigos mais importantes e esclarecedores sobre novos céus e nova terra.

O pré-milenismo ensina que Jesus Cristo voltará antes do período milenar, as características do reino milenar são:

- terá duração de mil anos
- sua localização será aqui na terra
- o governo será mundial sob ordens de Jesus Cristo em pessoa

Existem outros dois tipos de ensino, o pós-milenista e o amilenista, que praticamente diferem em pouca coisa, o ensino pós-milenista é de que Cristo voltará à terra após reinar por mil anos, durante a presente era através da Igreja, isto é, Cristo reina espiritualmente, o ensino amilenista é de que o milênio de Apocalipse 20 é toda a era do Novo Testamento, desde a primeira vinda de Cristo até o fim do mundo.

Dizem eles que, os mil anos de Apocalipse 20 devem ser entendidos simbolicamente, e não literalmente, A palavra amilenismo significa literalmente “nenhum milênio”.

O amilenismo não ensina um período de paz e prosperidade para a igreja antes do fim, diz que a grande tribulação da igreja precederá o final de todas as coisas – que naqueles últimos dias “os homens perversos e impostores irão de mal a pior”.

A verdade é que o amilenismo não crê num milênio literal e futuro.

Já a posição bíblica pré-milenista é sem dúvida a mais antiga e criada pela Igreja desde seus primeiros séculos, e que conta com maior respaldo bíblico.

O pré-milenismo começou a desaparecer com o início da Igreja católica no tempo de Agostinho (354-430 A.D.), o catolicismo unido com o Estado na época de Constantino fez esmorecer a esperança da volta de Jesus, porém sempre houve pré-milenistas, mesmo quando não era conhecido.

As bases Bíblicas para o pré-milenismo, além APOCALIPSE 20: 1-7, são desenvolvidas no A.T. e N.T. As alianças do A.T. com Abraão e Davi estabelecem promessa incondicional de um reino em Canaã liderado pelo definitivo Filho de Davi (ISAÍAS 65).

I CORÍNTIOS 15: 25 fala de um reino seguido ao retorno de Cristo.

Existem 4 maneiras de entender as Escrituras em relação ao Apocalipse:

- Preterista: crê que a maioria das profecias, senão todas, já se cumpriram no passado

- Historicista: entende que as profecias estão e serão totalmente cumpridas na era da Igreja, inclusive a Tribulação

- Idealista: não crêem em uma cronologia das profecias, pensam que as passagens proféticas apenas ensinam idéias ou verdades

- Futurista: crêem que virtualmente todos os eventos ocorrerão no futuro, durante a Grande Tribulação, na Segunda Vinda e no Milênio.

O futurismo teve aceitação ampla na Igreja primitiva, que acreditava nos eventos futuros.

As vantagens do futurismo são relacionadas à textos da Bíblia que indicam a vinda pessoal e física de Jesus na terra pela segunda vez ( ATOS 1: 9-11; LUCAS 21: 27), na Bíblia lemos dias, meses e anos, que devem ser aceitos literalmente.

Um terço da Bíblia é profecia e a maior parte dela versa sobre o futuro, uma abordagem literal será futurista conseqüentemente.

O Milênio é uma doutrina bíblica e um conceito teológico derivado de várias passagens. Assim como muitos termos teológicos, a palavra Milênio vem do latim. Refere-se ao período de tempo em que a Bíblia diz que o Reino do Messias será estabelecido na terra antes do fim da história.

A palavra Milênio vem do latim mille, que significa "mil", (a palavra grega para Milênio vem de chilias, que significa "um mil"), e annus, que significa [em latim] "ano", [etos em grego]. O termo grego é usado seis vezes no texto original do capítulo vinte de Apocalipse para definir a duração do reino de Cristo na terra antes da destruição do velho céu e da velha terra. Então, a palavra Milênio refere-se aos mil anos do futuro reinado de Cristo que precederão a eternidade.

Várias passagens do Velho Testamento falam sobre um tempo futuro de verdadeira paz e prosperidade para os seguidores justos de Deus, sob o reinado benevolente e físico de Jesus Cristo na terra. Zacarias 14.9 fala sobre esse período, dizendo: "O Senhor será Rei sobre toda a terra; naquele dia, um só será o Senhor, e um só será o seu nome". A passagem continua nos versículos 16-21, descrevendo algumas das condições reinantes no Milênio. Apesar de toda a Bíblia falar descritivamente sobre o Milênio, apenas no último livro – Apocalipse – a duração do Seu reinado foi revelada.

Isaías (700 anos a.C.) previu essa era futura:

"Nos últimos dias, acontecerá que o monte da Casa do Senhor será estabelecido no cimo dos montes e se elevará sobre os outeiros, e para ele afluirão todos os povos. Irão muitas nações e dirão: Vinde, e subamos ao monte do Senhor e à casa do Deus de Jacó, para que nos ensine os seus caminhos, e andemos pelas suas veredas; porque de Sião sairá a lei, e a palavra do Senhor, de Jerusalém. Ele julgará entre os povos e corrigirá muitas nações; estas converterão as suas espadas em relhas de arados e suas lanças, em podadeiras; uma nação não levantará a espada contra outra nação, nem aprenderão mais a guerra" (Isaías 2.2-4).

Alguns capítulos adiante, ele escreve novamente sobre o Milênio:

"O lobo habitará com o cordeiro, e o leopardo se deitará junto ao cabrito; o bezerro, o leão novo e o animal cevado andarão juntos, e um pequenino os guiará. A vaca e a ursa pastarão juntas, e as suas crias juntas se deitarão; o leão comerá palha como o boi. A criança de peito brincará sobre a toca da áspide, e o já desmamado meterá a mão na cova do basilisco. Não se fará mal nem dano algum em todo o meu santo monte, porque a terra se encherá do conhecimento do Senhor, como as águas cobrem o mar" (Isaías 11.6-9).

Outras passagens do Velho Testamento que tratam detalhadamente a respeito, incluem: Salmo 2.6-9; Isaías 65.18-23; Jeremias 31.12-14; Ezequiel 34.25-29; 37.1-14; 40-48; Daniel 2.35; 7.13-14; Joel 2.21-27; Amós 9.13-15; Miquéias 4.1-7 e Sofonias 3.9-20. Esses versículos são apenas algumas das várias passagens relacionadas a esse assunto, escritas antes da primeira vinda de Cristo. O estudioso em profecias David Larsen resume esses textos dizendo sucintamente: "grande parte da profecia do Velho Testamento indica o estabelecimento de um reino de paz na terra em que a lei sairá do Monte Sião".

O Novo Testamento também dá testemunho desse reino vindouro, dando continuidade à visão do Velho Testamento de um Reino Milenar futuro. Jesus falou sobre o Reino Milenar durante a ceia de Páscoa, antes de ser traído e crucificado:

"A seguir, tomou um cálice e, tendo dado graças, o deu aos discípulos, dizendo: Bebei dele todos; porque isto é o meu sangue, o sangue da nova aliança, derramado em favor de muitos, para remissão de pecados. E digo-vos que, desta hora em diante, não beberei deste fruto da videira, até aquele dia em que o hei de beber, novo, convosco no reino de meu Pai" (Mateus 26.27-29; veja também Marcos 14.25; Lucas 22.18).

O reino futuro de Deus terá duas fases distintas, o Milênio e o Estado Eterno. Mas a maior ênfase da Bíblia está no reinado de mil anos de Cristo no Seu futuro reino conhecido como Milênio. O Milênio é uma realidade bíblica futura. Segundo a Bíblia, a vida na terra ficará melhor, mas não antes de piorar por um período de sete anos conhecido como a Tribulação.

O que são os Novos Céus e Nova Terra?

A nova criação não é um “remendo” da velha. As coisas velhas desaparecem e dão lugar às novas, que são inteiramente de Deus. Isso é também verdade com respeito a Cristo. Ele se humilhou uma vez nas circunstâncias da velha criação, estando entre nós segundo a carne (Rm 9:5). No final de Sua vida perfeita e santa, morreu sob a sentença que condenava a velha criação, “o justo pelos injustos” (1 Pe 3:18). Dessa forma, Ele estabeleceu os fundamentos da nova criação nEle mesmo, ressuscitando dentre os mortos. Adquiriu, assim, um caráter novo e celestial.

Fonte: http://www.atosdois.com.br/print2.php?codigo=3927

O problema é que há tantas interpretações sobre os escritos cristãos que precisamos separar o joío do trigo:

Veja mais um exemplo.

ARREBATAMENTO
Os santos arrebatados vão ao céu
Acontecimento iminente sem sinais
A terra não é julgada
Não mencionado no A.T.
Envolve apenas cristãos
Nenhuma referência à Satanás
Cristo vem para os Seus
Ele vem nos ares
Somente os Seus o vêem
Começa a Tribulação

SEGUNDA VINDA
Os santos vêm à terra
Seguem sinais, inclusive a tribulação
A terra é julgada
Predito várias vezes no A.T
Afeta todos os homens
Satanás é amarrado
Cristo vem com os Seus
Ele vem à terra
Todo olho O verá
Começa o Milênio

Esses contrastes deixam claro a diferença entre o translado da Igreja e a volta do Senhor Jesus, além disso lê-se em Apocalipse 19: 7,8 e 14 que a Igreja (Noiva) é preparada para acompanhá-Lo em Sua volta à terra, pois como isso poderia ocorrer se a Igreja estivesse aqui ?

.....

http://solascriptura-tt.org/Escatologia ... nrique.htm

Penso que a leitura desses pontos de vistas são interessantes para entender que essa passagem de Isaías diz que os injustos, caso não se arrependam e pequem deliberadamento contra o Manda Chuvas irão pagar com a vida.
"A quantidade de alimentos necessária para cada ser humano é aquela que cabe na concavidade de suas mãos unidas" - Buda
Avatar de usuário
Ben
Desativado a pedido do usuário
 
Mensagens: 4248
Data de registro: 17 Nov 2008 12:05

Re: TOP das passagens bíblicas mais ignoradas pelos TJs

Nova mensagempor Diógenes em 26 Fev 2012 12:30

"Quando vier, porém, o Espírito da verdade, ele vos guiará a toda a verdade;
porque não falará por si mesmo, mas dirá tudo o que tiver ouvido e vos anunciará
as coisas que hão de vir. Ele me glorificará, porque há de receber do que é meu, e
vo-lo há de anunciar."

(JOÃO 16.13,14)
Então, não precisamos estar "atualizados com as mais novas verdades" da organização Torre de Vigia!!
Huuummm.....
O Espírito Santo glorificará a Jesus?! Estranho...! Não ensinam as TJs que ele é uma "força em ação", tipo energia elétrica?
huuummm... :shock: :2 :2
Imagem
"De nada nos beneficia tentar refutar os argumentos de apóstatas..." Sentinela de 15/05/2012, p.26 §13
Avatar de usuário
Diógenes
Forista
Forista
 
Mensagens: 178
Data de registro: 18 Nov 2011 18:26
Localização: Salvador, Bahia
Localidade: Bahia

Re: TOP das passagens bíblicas mais ignoradas pelos TJs

Nova mensagempor Diógenes em 26 Fev 2012 12:55

"E depois destas coisas, ouvi no céu como que uma grande voz de uma grande mulidão..."
Apocalipse 19:1
Opa!, a "grande multidão" no céu?! :shock: :shock: :2 :2
Imagem
"De nada nos beneficia tentar refutar os argumentos de apóstatas..." Sentinela de 15/05/2012, p.26 §13
Avatar de usuário
Diógenes
Forista
Forista
 
Mensagens: 178
Data de registro: 18 Nov 2011 18:26
Localização: Salvador, Bahia
Localidade: Bahia

AnteriorPróximo

  • Tópicos Similares
    Respostas
    Exibições
    Última mensagem

Retornar para Crenças, Doutrinas e História

Quem está online

Usuários vendo este fórum: CristaoAdorador e 43 visitantes

cron