Qual foi o seu "click"? : Depoimentos
Seja Bem-Vindo Testemunhas de Jeová - Ex Testemunhas de Jeová. Clique aqui e cadastre-se para participar


Qual foi o seu "click"?

Depoimentos de ex-testemunhas de Jeová, cartas de dissociação e depoimentos sobre a vida pós Torre de Vigia. Aqui fala mais alto a sinceridade, o sentimento e muitas vezes os relatos nos impressionam pela falta de algo que mais as Testemunhas de Jeová dizem praticar: o amor ao próximo!
Fique a vontade para contar suas vivências

Qual foi o seu "click"?

Nova mensagempor Jerry em 20 Nov 2008 12:17

Em que momento, ainda dentro da Torre, houve um "click" em relação ao que era ensinado? Quando é que você foi pego de surpresa por pensar algo do tipo: "Opa! Algo não vai bem nos ensinamentos da Torre". Enfim, quando foi que você percebeu que havia "algo de podre no Reino da Dinamarca"?

No meu caso, foi em 1995, na preparação de um estudo d'A Sentinela. Mais especificamente, o estudo abaixo, onde destaco as partes do texto que foram acionando o sinal de alerta em minha mente:

*** w95 1/11 pp. 16-21 É hora de manter-se desperto ***

É hora de manter-se desperto

“Em todas as nações têm de ser pregadas primeiro as boas novas. . . . Mas aquele que tiver perseverado até o fim é o que será salvo.” — MARCOS 13:10, 13.

TEMOS de perseverar, no meio duma geração sem fé e deturpada! Desde 1914, uma geração de pessoas tem-se tornado corrupta, assim como nos dias de Jesus. E hoje em dia, há corrupção em escala mundial. Nestes “últimos dias”, os “tempos críticos, difíceis de manejar”, descritos pelo apóstolo Paulo, estão afligindo a humanidade. ‘Homens iníquos e impostores continuam a passar de mal a pior.’ É evidente que “o mundo inteiro jaz no poder do iníquo”, Satanás, o Diabo, que faz agora seu último esforço para arruinar a terra. Mas, tenha coragem! É iminente uma “grande tribulação” que trará alívio permanente a todos os que amam a justiça. — 2 Timóteo 3:1-5, 13; 1 João 5:19; Revelação (Apocalipse) 7:14.

2 Felizmente, Jeová já entronizou o Senhor Jesus Cristo nos céus, em preparação para a eliminação dos inimigos opressores da humanidade. (Revelação 11:15) Assim como ocorreu na primeira vinda do Messias, assim se cumpriu também neste século uma notável profecia registrada por Daniel. Daniel 4:16, 17, 32, nos informa da suspensão do reinado legítimo sobre a terra por um período de “sete tempos”. No seu cumprimento maior, esses sete tempos significam sete anos bíblicos de 360 ‘dias’ cada um, ou ao todo, 2.520 anos. Estendiam-se de 607 AEC, quando Babilônia começou a pisar o reino de Israel, até 1914 EC, o ano da entronização de Jesus no céu, como Rei legítimo da humanidade. Terminaram então “os tempos designados das nações”. (Lucas 21:24) Mas as nações não quiseram sujeitar-se ao Reino messiânico entrante. — Salmo 2:1-6, 10-12; 110:1, 2.

3 Com a aproximação da 70.a semana de anos (29-36 EC) e novamente ao se aproximar o ano de 1914, pessoas tementes a Deus esperavam a vinda do Messias. E ele veio mesmo! Em cada caso, porém, o modo de seu aparecimento diferiu das expectativas. Em cada caso, também, depois dum período comparativamente pequeno, uma “geração” má por fim sofre a execução por decreto divino. — Mateus 24:34.

4 No artigo precedente, observamos como a iníqua geração judaica, que exigiu o sangue de Jesus, teve fim. Então, que dizer da geração ruinosa que mesmo agora se opõe a ele ou o desconsidera? Quando se executará a sentença nesta geração sem fé?


Bom, até aqui, tudo bem. Estávamos em 1995, 81 anos depois de 1914. Seria mais um artigo fortalecedor de que aqueles que tinham idade suficiente para, em 1914, discernirem os acontecimentos, veriam o Armagedom. Proximidade do ano 2000. Beleza. O "escravo" iria fortalecer minha fé! Mas eu não havia atentado para o fato de geração estar entre aspas...

“Mantende-vos vigilantes”!

5 Depois de profetizar os acontecimentos que levariam a uma época de “grande tribulação”, Jesus acrescentou: “Acerca daquele dia e daquela hora ninguém sabe, nem os anjos dos céus, nem o Filho, mas unicamente o Pai.” (Mateus 24:3-36; Marcos 13:3-32) Não precisamos saber o momento exato em que ocorrerão esses acontecimentos. Em vez disso, devemos concentrar-nos em ser vigilantes, em cultivar forte fé e em manter-nos ocupados no serviço de Jeová — não em calcular uma data. Jesus concluiu sua grande profecia por dizer: “Persisti em olhar, mantende-vos despertos, pois não sabeis quando é o tempo designado. . . . Mantende-vos vigilantes . . . O que eu vos digo, digo a todos: Mantende-vos vigilantes.” (Marcos 13:33-37) Há um perigo oculto nas sombras do mundo atual. Temos de manter-nos despertos! — Romanos 13:11-13.

6 Não somente devemos prestar atenção às profecias inspiradas referentes a estes dias finais do sistema iníquo, mas temos de ancorar nossa fé primariamente no sacrifício precioso de Cristo Jesus e nas promessas maravilhosas de Deus que se baseiam nesse sacrifício. (Hebreus 6:17-19; 9:14; 1 Pedro 1:18, 19; 2 Pedro 1:16-19) O povo de Jeová, ansioso de ver o fim deste sistema iníquo, às vezes tem especulado sobre quando irromperia a “grande tribulação”, até mesmo relacionando isso com cálculos sobre a duração da vida duma geração desde 1914. No entanto, ‘introduzimos um coração de sabedoria’, não por especular sobre quantos anos ou dias constituem uma geração, mas por refletir em como ‘contamos os nossos dias’ em dar alegre louvor a Jeová. (Salmo 90:12) Em vez de estabelecer uma regra para a medição do tempo, o termo “geração”, conforme usado por Jesus, refere-se principalmente a pessoas contemporâneas dum certo período histórico, com as características identificadoras delas.


Primeiro "click"! Eu já tinha pesquisado sobre o fiasco de 1975, e sabia que, sim, a Torre já tinha fixado datas para o fim. E outra: "estabelecer regra para a medição do tempo" era o que ela bem fazia. Afinal, como chegara a 1914?

7 Em harmonia com isso, o professor de História Robert Wohl escreveu no seu livro The Generation of 1914 (A Geração de 1914): “A geração histórica não é definida pelos seus limites cronológicos . . . Não é delimitada por datas.” Mas, ele salientou que a Primeira Guerra Mundial criou “um indiscutível senso de ruptura com o passado”, e acrescentou: “Os que sobreviveram à guerra jamais poderiam desfazer-se da idéia de que um mundo acabara e outro começara em agosto de 1914.” Como isso é veraz! Enfoca o ponto em questão. “Esta geração” da humanidade, desde 1914, tem passado por espantosas mudanças. Tem presenciado a terra ser encharcada do sangue de milhões de pessoas. Guerra, genocídio, terrorismo, crime e violação da lei têm irrompido em todo o mundo. Fome, doença e imoralidade assolam nosso globo. Jesus profetizou: “Também vós [discípulos], quando virdes estas coisas ocorrer, sabei que está próximo o reino de Deus. Deveras, eu vos digo: Esta geração de modo algum passará até que todas estas coisas ocorram.” — Lucas 21:31, 32.


Segundo "click"! A Torre se apóia num historiador para dizer que não se deveria entender o termo "geração", aplicado especificamente a 1914, em termos cronológicos. Mas e a capa d'A Sentinela dos anos 80, da "geração que não passaria"? Ali tinha a foto de idosos, retoricamente colocada para nos mostrar o tempo que restava para que aquela geração cronológica visse o fim!

8 Deveras, o triunfo completo do Reino messiânico é iminente! Será que adianta alguma coisa procurar datas ou especular sobre a duração literal da vida duma “geração”? Longe disso! Habacuque 2:3 declara explicitamente: “A visão ainda é para o tempo designado e prossegue arfando até o fim, e não mentirá. Ainda que se demore, continua na expectativa dela; pois cumprir-se-á sem falta. Não tardará.” O dia de Jeová para ajustar contas aproxima-se cada vez mais. — Jeremias 25:31-33; Malaquias 4:1.


Terceiro "click"! Mas como assim?! E a apresentação da Despertai!, que dizia textualmente que seu papel era alertar as pessoas do mundo antes que passasse a geração que havia visto os acontecimentos de 1914? Mal sabia eu que essa referência direta também desapareceria...

9 Quando o Reinado de Cristo começou em 1914, Satanás foi lançado para baixo, para a terra. Isto significou ‘ai da terra porque desceu o Diabo, tendo grande ira, sabendo que ele tem um curto período de tempo’. (Revelação 12:12) Este tempo deveras é curto, em comparação com os milhares de anos do domínio de Satanás. O Reino está presente, e também é iminente o dia de Jeová e a hora para se executar a sentença nesta geração iníqua! — Provérbios 3:25; 10:24, 25.


Quarto "click"! Quer dizer que o curto tempo de duração de Satanás era relativo aos seus milhares de anos de existência? Assim, se o mundo tivesse mesmo 6.000 anos, como apregoava a Torre, então a geração que vivia quando da expulsão de Satanás dos céus (1914) seria relativa a um "curto tempo" de uma vida que durara no mínimo seis milênios? Isso sem contar o tempo de Satanás anterior à criação do homem. Fiz as contas. Se uma geração poderia ser contada num período de 25 anos (já tinha lido isso numa publicação da Torre, não me lembro onde), ou seja, 1/4 do tempo de vida de quem chegasse a 100 anos (e poucos chegavam), então, vejamos: 6.000/4 = 1.500. Comecei a achar absurdo esticar, por um tempo indeterminado, a geração que não passaria sem ver os acontecimentos. Esta não é uma leitura a posteriori. Foi exatamente o que eu pensei. E a sensação de que aquilo era uma palhaçada começou a freqüentar meus pensamentos. E me sentia mal por pensar assim do "escravo fiel e discreto".

A “geração” que passará

10 Examinemos mais de perto a declaração de Jesus em Mateus 24:34, 35: “Deveras, eu vos digo que esta geração de modo algum passará até que todas estas coisas ocorram. Céu e terra passarão, mas as minhas palavras de modo algum passarão.” As palavras seguintes de Jesus mostram que ‘ninguém sabe acerca daquele dia e daquela hora’. Ele mostra que é muito mais importante que evitemos os laços que nos cercam nesta geração. De modo que Jesus acrescenta: “Pois assim como eram os dias de Noé, assim será a presença do Filho do homem. Porque assim como eles eram naqueles dias antes do dilúvio, comendo e bebendo, os homens casando-se e as mulheres sendo dadas em casamento, até o dia em que Noé entrou na arca, e não fizeram caso, até que veio o dilúvio e os varreu a todos, assim será a presença do Filho do homem.” (Mateus 24:36-39) Jesus comparou ali a geração dos seus dias à dos dias de Noé. — Gênesis 6:5, 9; nota NM, Com Referências.

11 Esta não foi a primeira vez que os apóstolos ouviram Jesus fazer esta comparação entre ‘gerações’, pois alguns dias antes ele declarara a respeito de si mesmo: “O Filho do homem . . . tem de passar por muitos sofrimentos e ser rejeitado por esta geração. Ademais, assim como ocorreu nos dias de Noé, assim será também nos dias do Filho do homem.” (Lucas 17:24-26) Portanto, o capítulo 24 de Mateus e o capítulo 17 de Lucas fazem a mesma comparação. Nos dias de Noé, “toda a carne [que] havia arruinado seu caminho na terra” e que foi destruída no Dilúvio era “esta geração”. Nos dias de Jesus, o apóstata povo judeu que rejeitava a Jesus era “esta geração”. — Gênesis 6:11, 12; 7:1.

12 Portanto, hoje, no cumprimento final da profecia de Jesus, “esta geração” parece referir-se aos povos da terra que vêem o sinal da presença de Cristo, mas que não se corrigem
. Em contraste, nós, como discípulos de Jesus, recusamos ser amoldados pelo estilo de vida ‘desta geração’. Embora estejamos no mundo, não devemos fazer parte dele, “pois o tempo designado está próximo”. (Revelação 1:3; João 17:16) O apóstolo Paulo nos admoesta: “Persisti em fazer todas as coisas livres de resmungos e de argüições, para que venhais a ser inculpes e inocentes, filhos de Deus sem mácula no meio duma geração pervertida e deturpada, entre a qual estais brilhando como iluminadores no mundo.” — Filipenses 2:14, 15; Colossenses 3:5-10; 1 João 2:15-17.

13 ‘Brilharmos como iluminadores’ não só inclui demonstrar que temos uma personalidade cristã limpa, mas, acima de tudo, cumprir a comissão profética de Jesus: “Estas boas novas do reino serão pregadas em toda a terra habitada, em testemunho a todas as nações; e então virá o fim.” (Mateus 24:14) Nenhum humano pode dizer quando virá o fim, mas sabemos que o fim ‘desta geração’ de pessoas iníquas virá assim que o testemunho tiver sido dado para a satisfação de Deus “até à parte mais distante da terra”. — Atos 1:8.

“Daquele dia e daquela hora”

14 Quando o testemunho global tiver sido dado segundo o propósito de Jeová, então será Seu ‘dia e hora’ para eliminar o sistema deste mundo. Não precisamos conhecer de antemão a data disso. Portanto, seguindo o exemplo de Jesus, o apóstolo Paulo admoestou: “Ora, quanto aos tempos e às épocas, irmãos, não necessitais de que se vos escreva. Pois vós mesmos sabeis muito bem que o dia de Jeová vem exatamente como ladrão, de noite. Quando estiverem dizendo: ‘Paz e segurança!’ então lhes há de sobrevir instantaneamente a repentina destruição, assim como as dores de aflição vêm sobre a mulher grávida, e de modo algum escaparão.” Note o enfoque de Paulo: ‘É quando estiverem dizendo.’ Então, enquanto se falar de “paz e segurança”, quando menos se espera, será executado repentinamente o julgamento de Deus. Como é apropriado o conselho de Paulo: “Assim, pois, não estejamos dormindo assim como fazem os demais, mas fiquemos despertos e mantenhamos os nossos sentidos”! — 1 Tessalonicenses 5:1-3, 6; veja também os versículos 7-11; Atos 1:7.

15 Será que nosso ponto de vista mais preciso sobre “esta geração” significa que o Armagedom está ainda mais longe do que pensávamos? De forma alguma! Embora nunca soubéssemos ‘o dia e a hora’, Jeová Deus sempre os soube, e ele não muda. (Malaquias 3:6) É óbvio que o mundo está afundando cada vez mais para acabar em ruína. A necessidade de nos mantermos despertos é agora mais crítica do que nunca. Jeová nos revelou “as coisas que têm de ocorrer em breve”, e nós devemos corresponder a isso com um pleno senso de urgência. — Revelação 1:1; 11:18; 16:14, 16.

16 Ao passo que o tempo se aproxima, mantenha-se desperto, porque Jeová está prestes a trazer calamidade sobre todo o sistema de Satanás! (Jeremias 25:29-31) Jeová diz: “Eu hei de magnificar-me, e santificar-me, e dar-me a conhecer aos olhos de muitas nações; e terão de saber que eu sou Jeová.” (Ezequiel 38:23) Este decisivo “dia de Jeová” está-se aproximando! — Joel 1:15; 2:1, 2; Amós 5:18-20; Sofonias 2:2, 3.


A Torre antecipa a conclusão lógica que qualquer pessoa inteligente, testemunha há anos, teria, e a rechaça. Ela não quer que usemos o raciocínio lógico. Pára tudo!!! Naquela época eu não sabia o que era um silogismo. Silogismo, segundo Aristóteles, é a proposição de duas premissas das quais, por inferência, se conclui uma terceira. Algo do tipo, para usar um exemplo já consagrado: "Todo homem é mortal (premissa A). Sócrates é homem (premissa B). Logo, Sócrates é mortal (premissa C)". A conclusão é verdadeira, então, tal silogismo procede.

A Torre nos dá duas premissas, e não quer que tiremos conclusões óbvias. Ora, veja o raciocínio dela: "A geração que viu os acontecimentos de 1914 não é mais cronológica, e pode se estender por um tempo indefinido (dezenas de anos? Centenas?) (premissa A). O Armagedom virá nos dias dessa geração, que pode incluir um tempo incontável de gerações cronológicas, ou muito tempo (premissa B). Logo, o Armagedom está perto! (premissa C)". Ora, a conclusão deveria ser bem outra: "Logo, o Armagedom é distante"! Reconhecer isso explicitamente, porém, seria um balde de água fria em todos. De qualquer modo, não havia outra conclusão a se tirar. E embora àquela época eu não soubesse o que era um silogismo, ou um falso silogismo, eu havia percebido a mensagem: Armagedom adiado.


“Novos céus e uma nova terra” justos

17 Jesus disse a respeito de ‘todas estas coisas que têm de ocorrer’: “Céu e terra passarão, mas as minhas palavras de modo algum passarão.” (Mateus 24:34, 35) É provável que Jesus pensasse no “céu e terra” — nos governantes e nos governados — ‘desta geração’. O apóstolo Pedro usou palavras similares ao falar de os “céus e a terra que agora existem”, que “estão sendo guardados para o fogo e estão sendo reservados para o dia do julgamento e da destruição dos homens ímpios”. A seguir, ele descreve que “o dia de Jeová virá como ladrão, sendo que nele passarão os céus [governamentais]”, junto com a corrupta sociedade humana, ou “terra”, e suas obras pecaminosas. O apóstolo nos exorta então a “atos santos de conduta e [a] ações de devoção piedosa, [ao passo que estamos] aguardando e tendo bem em mente a presença do dia de Jeová, pelo qual os céus, estando incendiados, serão dissolvidos, e os elementos, estando intensamente quentes, se derreterão”! O que se segue? Pedro nos traz à atenção ‘novos céus e uma nova terra em que há de morar a justiça’. — 2 Pedro 3:7, 10-13.

18 Estes “novos céus”, o Reino governado por Cristo Jesus e seus reis associados, derramarão bênçãos sobre a sociedade humana justa da “nova terra”. É você um membro prospectivo desta sociedade? Em caso afirmativo, tem motivos para exultar com o grandioso futuro que o aguarda! — Isaías 65:17-19; Revelação 21:1-5.

19 De fato, uma “geração” justa da humanidade já está sendo ajuntada. Atualmente, o ungido “escravo fiel e discreto” fornece instrução divina em harmonia com as palavras do Salmo 78:1, 4: “Dá ouvidos à minha lei, ó meu povo; inclinai vosso ouvido às declarações da minha boca . . . , relatando-os até mesmo à geração vindoura, os louvores de Jeová e sua força, e suas coisas maravilhosas, que ele tem feito.” (Mateus 24:45-47) Em 14 de abril deste ano, em mais de 75.500 congregações e em cerca de 230 países, mais de 12.000.000 de pessoas em toda a terra assistiram à Comemoração da morte de Cristo. Estava você entre elas? Deposite sua fé em Cristo Jesus e ‘invoque o nome de Jeová para a salvação’. — Romanos 10:10-13.

20 “O tempo que resta é reduzido”, disse o apóstolo Paulo. Portanto, chegou o tempo de nos mantermos sempre despertos e ocupados no serviço de Jeová, ao passo que suportamos provações e ódios impostos por uma geração iníqua da humanidade. (1 Coríntios 7:29; Mateus 10:22; 24:13, 14) Mantenhamo-nos vigilantes, observando todas as coisas que a Bíblia prediz que virão sobre “esta geração”. (Lucas 21:31-33) Por escaparmos destas coisas e estarmos com aprovação divina diante do Filho do homem, podemos por fim obter o prêmio da vida eterna.


Por fim, a descarada da Torre de Vigia usa o termo geração entre aspas. O que tem demais nisso? Ora, usamos as aspas, dentre outros motivos, para deslocar uma palavra de seu sentido literal. Ou seja: o uso de aspas em geração, significa que geração não deve ser tomado no seu sentido original, que, segundo o Aurélio, é:

5. O conjunto dos indivíduos nascidos pela mesma época: a geração do pós-guerra.
6. O espaço de tempo (aproximadamente 25 anos) que vai de uma geração (3) a outra.


Não. Agora geração abandona o seu sentido original - e que inclusive era o oficialmente adotado pela Torre até então -, e ganha novas vestes, novos sentidos. Numa forçação de barra sem igual!

Depois de tantos "clicks", e de outras vicissitudes da vida, nunca mais seria uma testemunha-de-jeová como vinha sendo até ali. A "nova luz", por ser falsa, ativou a minha própria luz, ou seja, minha razão.
"Quando chegará, Senhor, o dia em que virás a nós para reconheceres os teus erros perante os homens?" - Saramago

Meu Blog: Oritameji
Twitter: http://twitter.com/jerryguima
Avatar de usuário
Jerry
Forista
Forista
 
Mensagens: 6540
Data de registro: 01 Nov 2008 01:37
Localização: Vitória da Conquista, Bahia

Re: Qual foi o seu "click"?

Nova mensagempor Adriana em 20 Nov 2008 14:32

O meu click , aconteceu quando estava pesquisando sobre a data de 607 , e não achei nada em outros livros de história , que sustentasse essa data como sendo a queda de Jerusalém , somente nos livros da sociedade. OPA!!!!!!!!!!!! Tem algo de errado ou podre , no reino da dinamarca, conforme escreveu o Jerry.
Adriana
Novo (a) Forista
Novo (a) Forista
 
Mensagens: 37
Data de registro: 19 Nov 2008 21:01

Re: Qual foi o seu "click"?

Nova mensagempor Francisco em 20 Nov 2008 14:35

Eu foi naquele congresso em 2006 que falaram sobe fóruns de ex-tj. Afinal, ali era um lugar para se estudar a bíblia ou para criar regras que não seriam necessário a todas as pessoas igualente?

Então, comecei a perder o medo de pesquisar e fui fundo...

Hoje estou free :11
Guerra teocrática...
Imagem

"...Feliz aquele que não teme a escuridão e a vê como apenas falta de luz e conhecimento e não como um esconderijo de fantasmas..."
Avatar de usuário
Francisco
Forista
Forista
 
Mensagens: 561
Data de registro: 01 Nov 2008 11:37
Localização: Rio grande do sul tchê!!!

Re: Qual foi o seu "click"?

Nova mensagempor Valeria em 20 Nov 2008 14:58

O meu click foi o envolvimento da Torre com a ONU, a principio achei que era uma página falsa da internet, mas fui atrás até a confirmação. Me senti pior do que se meu marido tivesse me traído.
Mas hj já superei toda a decepção e sou muito mais feliz, alegre e realista.
A MENTIRA TEME A VERDADE! COMPROVE TUDO SEMPRE! (Raymond Franz)
Batismo 26/09/1976 - Dissociação 10/01/2008
http://tjinvestigatorre.blogspot.com/
Avatar de usuário
Valeria
Forista
Forista
 
Mensagens: 225
Data de registro: 02 Nov 2008 18:59
Localização: São José do Rio Preto - SP

Re: Qual foi o seu "click"?

Nova mensagempor Sergio em 20 Nov 2008 15:33

Ola! É a primeira vez que falo aqui, ainda não me apresentei a voces mas posso dizer que sou de Belem,Para.Mas quero dizer que o meu click foi quando comecei a ver o tratamento dispensado aos irmão que eram dessassociados ou dissociados, e tambem a pregação absurda de que o cristão deve ter cuidado com a educação superior.Eu mesmo sendo eng. civil e estar iniciando um curso de pós-graduação nunca deixei de acreditar em Deus por causa disso.Certa vez questionei com um ancião o fato de as outras denominações cristãos permitirem seus adepitos de cursarem uma universidade ou faculdade, mesmo porque é uma forma deles fazerem o mundo os ver como cidadãos normais, inteligentes e civilizados, que com seus diplomas podem exercer a lei maxima de amar o proximo como a si mesmo, seja como medicos, psicologos, dentistas, enfermeiros...
Avatar de usuário
Sergio
Forista
Forista
 
Mensagens: 211
Data de registro: 16 Nov 2008 10:11

Re: Qual foi o seu "click"?

Nova mensagempor Robh em 20 Nov 2008 15:38

Meu primeiro "click" foi quando meus pais me mandaram para um psicólogo (que era TJ, obviamente) para que eu me tratasse e me curasse dos meus "impulsos pecaminosos" advindos de orientação sexual errada, rs... o tratamento me ajudou a começar a ver quanta bobagem era ensinada na Torre de Vigia.

O psicólogo usava técnicas "mudanas" de relaxamento e meditação para que eu me "curasse", e comecei a ver como que uma pessoa se deixa cegar desta forma. Logo depois dessa época, comecei a pesquisar sobre assuntos que me incomodavam mas que nunca tinha ido muito à fundo. Um monte de "clicks" estavam por vir!

O primeiro deles foi 1975, nas publicações não achei nada a respeito, embora tivesse achado o anuário de 1974 intrigante, devido à ênfase que se deu de o fim estar às portas, como se pudesse acontecer a qualquer momento. Em seguida comecei a pesquisar na internet, as primeiras matérias que achei foram relacionadas ao ano de 607 AEC e fiquei impressionado. Depois consegui o livro Crise de Consciência para ler... daí pra frente eu já tinha certeza que a Torre de Vigia era muito mentirosa. Isto ocorreu no 1º semestre de 2005.

Logo em seguida saí para nunca mais voltar!

PS: Jerry, sua explanação sobre o artigo da "geração que não passará" foi brilhante, parabéns. Se eu tivesse um pouco mais de entendimento na época (tava com uns 11, 12 anos) eu acho que também teria duvidado desses argumentos frouxos da Torre.

Abraços!
"Libertas Quae Será Tamen” - Liberdade, ainda que tardia!
Avatar de usuário
Robh
Forista
Forista
 
Mensagens: 97
Data de registro: 17 Nov 2008 07:20
Localização: Belo Horizonte, MG

Re: Qual foi o seu "click"?

Nova mensagempor pascoalnaib em 20 Nov 2008 23:58

Sergio escreveu:Ola! É a primeira vez que falo aqui, ainda não me apresentei a voces mas posso dizer que sou de Belem,Para.Mas quero dizer que o meu click foi quando comecei a ver o tratamento dispensado aos irmão que eram dessassociados ou dissociados, e tambem a pregação absurda de que o cristão deve ter cuidado com a educação superior.Eu mesmo sendo eng. civil e estar iniciando um curso de pós-graduação nunca deixei de acreditar em Deus por causa disso.Certa vez questionei com um ancião o fato de as outras denominações cristãos permitirem seus adepitos de cursarem uma universidade ou faculdade, mesmo porque é uma forma deles fazerem o mundo os ver como cidadãos normais, inteligentes e civilizados, que com seus diplomas podem exercer a lei maxima de amar o proximo como a si mesmo, seja como medicos, psicologos, dentistas, enfermeiros...


Oi Sérgio...depois fale mais de vc para as boas vindas oficiais de todos! ;)
Avatar de usuário
pascoalnaib
Administrador
Administrador
 
Mensagens: 7509
Data de registro: 31 Out 2008 15:34
Localização: Fortaleza-CE
Localidade: Ceará

Re: Qual foi o seu "click"?

Nova mensagempor cabraldestroyer em 21 Nov 2008 00:17

Sergio cita:
e tambem a pregação absurda de que o cristão deve ter cuidado com a educação superior.

Ola Sergio, o q ocorre, é q o corpo governante atual, nao tem autoridade de anular as palavras de Jesus de "buscar primeiro o reino", o corpo governante atual, entende q se insentivar o ensino superior, está anulando essas palavras de Jesus.
abraços.
Ouvi dizer, muitos não estão mais nem aí para as palavras de um homem que está bem perto daqui, Melhor Correr, enquanto há tempo para nós, Antes que tudo vá pros ares sem ouvir a nossa voz. "Desconfio", CPM 22, fazendo uma referencia as TJ.
Avatar de usuário
cabraldestroyer
Forista
Forista
 
Mensagens: 364
Data de registro: 01 Nov 2008 02:04

Re: Qual foi o seu "click"?

Nova mensagempor Joker em 21 Nov 2008 01:31

Click N° 1 - Gênesis

Comecei por um instante a reparar que as TJ tinham similaridade DEMAIS com as outras denominações cristãs. Como o POVO DE DEUS que se diz tão superior e diferente pode parecer tanto com os outros protestantes, tanto no linguajar quanto na vestimenta? Fui meditando com o passar do tempo

Click N° 2 - Critérios Duplos

Critérios duplos, a todo momento vi que anciãos faziam as mais absurdas cagadas do mundo, e ninguem falava nada, até ai achava que era por causa da imperfeição

Click N° 3 - Sujeira Organizacional

Participei de uma obra de construção, e vi a desarmonia que havia no local, POVO de deus em brigas constantes, achava tudo muito estranho, sem contar que fiquei sabendo a dificuldade que era pra fazer parte de uma equipe de construção. Depois de ver um monte de gente babando ovo naqueles coitados pedreiros, pude ver a porção de intrigas e fofocas que eles tinham entre eles, a coisa tava ficando muito estranha mesmo.

Click N° 4 - Descobrimento

Conversando com irmãos antigos, ouvi sobre um tal de 1975 de irmãos de araque e tudo mais. Algo me chamava muito atenção, já estava bem curioso e com a pulga atraz da orelha

Click N° 5 - Descobrimento parte 2

Em pesquisas na Wikipedia descobri que um tal de Raymond Franz membro do Corpo Governante resignou. OPA! por que cargas d'água resignou? Ficando mais confuso ainda.

Click N°6 - Organização Humana ou Organização de Deus?

Fui elevado ao cargo de Servo Ministerial mesmo tendo um relatório de campo ridiculo. A coisa tava começando a ficar estranha, como isso pode ser feito em um local de Deus? Descobri depois que todos os esboços de discurso público eram feitos pela própria Torre, cada vez mais questões brotavam em minha mente

Click N°7 - A decepção

Fui procurar AJUDA dos anciãos, fui submetido comissão judicativa e perdi todos os meus "cargos" e "privilégios" :shock:
MAS QUE PORRA É ESSA MEU? COMO PODE ALGUEM SER AJUDADO SENDO HUMILHADO E JOGADO NO FUNDO DA DEPRESSÃO?
Saber o que é desassociação e perda de privilégios é uma coisa, agora estar nessa situação é OUTRA

Click N°8 - Ampliando Horizontes

Procurei ajuda psicologica e comecei a descobrir o que realmente era uma AJUDA a alguém doente e transtornado, aiii a coisa começou a ficar hiper estranha, tudo parecia estranho, não reconhecia nada, como pode ser tão diferente

Click N° 9 - O Grande Impacto

Decidi finalmente ler o tal "Crise de Consciência", não quis acreditar no que lia, achei por meio desse Fórum o livro do Oloff que questionava 1914. Comecei a voltar no tempo e lembrei de um ancião que sempre pedia para os públicadores explicarem a conta para o 1914. Ironicamente esse ancião anos depois foi desassociado sem mais nem menos. Tudo parecia tão lúcido e brilhante como nunca mas ainda estava cheio de receio.

Click N° 10 - O segundo Grande Impacto

Comecei a frequentar mais o fórum e perdi o medo de Apóstatas, e vi que eram humanos, quando li o relato de vários "irmãos" e vi o que passaram na Torre, me indentifiquei com muitos, apostasia passou a se tornar um mito, era incrivel como o POVO de deus não tinha absolutamente NADA de espiritual, tudo técnico e eu não enxergava o óbvio então em Janeiro decidi


Apocalipse

Janeiro Mandei a carta :2 "Eu *** não quero mais ser reconhecido como Testemunha de Jeová" pedi que não me visitassem nem ligassem, fiquei um tempo pensando no que fiz, até que em 31/07/08 me registrei no Tj Livres por meio de um PERSONAGEM para não me identificar em respeito a meus familiares (um pouco de medo tambem confesso) e comecei a compartilhar com vocês do mais RICO alimento da VERDADE por traz da Torre, vi mais e mais mentiras sobre o sangue, a pregação, e todos os OUTROS absurdos que nunca tinha questionado.

Hoje a verdade é uma só: Se existe um Deus que vai destruir a humanidade, e ele optar por não me ter vivo em seus planos, agradeço! Tudo o que vem de Deus é Bom e pensado e com Amor. Não cabe a esse bando de humanos idiotas ficar julgando e decidindo o futuro dos outros! Cansei dessa idiotice! Eu quero é mais é Paz e evoluir meu caráter, acabando com toda praga de sentimento humano que me afaste dos outros, assim como a torre me programou para fazer!

Seitazinha de Sociopátas para longe de mim e das pessoas de bem por favor! :8 :8 :9
"Realidade é aquilo que, quando você pára de acreditar, não vai embora."
Avatar de usuário
Joker
Forista
Forista
 
Mensagens: 303
Data de registro: 01 Nov 2008 14:23
Localização: Gothan City

Re: Qual foi o seu "click"?

Nova mensagempor Wesley MF em 21 Nov 2008 08:00

O meu primeiro click foi igual ao do Jerry - autor do post.

Eu não me calei e começei a perguntar para os irmãos no salão sobre o que achavam disso, uma vez que o que aprendemos é somente a verdade.

Quando eu perguntava, os irmãos se dispersavam, desconversando e dizendo que Jeová sabe o que faz.
Então me vi sozinho no meio do salão, e me perguntei... "Mas o que é isso!.."

E desse dia em diante, minha fé começou a diminuir, e aliada a outros fatores, culminou com minha dissociação.
A ESCRITA é a maior invenção da humanidade, sendo o "contexto" a segunda maior...
Avatar de usuário
Wesley MF
Forista
Forista
 
Mensagens: 876
Data de registro: 06 Nov 2008 18:44

Re: Qual foi o seu "click"?

Nova mensagempor alex em 21 Nov 2008 09:42

cabral disse
Ola Sergio, o q ocorre, é q o corpo governante atual, nao tem autoridade de anular as palavras de Jesus de "buscar primeiro o reino", o corpo governante atual, entende q se insentivar o ensino superior, está anulando essas palavras de Jesus.
abraços.


O CG não precisava incentivar, se ele apenas não condenasse e deixasse a pessoa decidir, já estava de bom tamanho, seria bem razoavel!!

Com relação ao meu primeiro clique, o que me lançou aos sites ditos "Apostatas", foi quando no congresso em agosto de 2007 eles daquele jeito bem próprio da Torre condenaram o ensino superior, e em setembro de 2007 o ministério do reino proibiu de fazer pesquizas independentes da Biblia, e proibiu de pesquizar o significado das palavras gregas e hebricas da biblia para comparar com a tradução do novo mundo, ali tive certeza de tinha algo errado dentro dos muros da torre!!
Pense sempre em Mim; seja devotado a Mim; adore-Me, e faça reverências para Mim.
Assim, unindo o seu ser Comigo, colocando-Me como meta suprema e único refúgio, você
certamente chegará até a Mim (Baghavad gita 9.34)
Avatar de usuário
alex
Forista
Forista
 
Mensagens: 171
Data de registro: 08 Nov 2008 08:16

Re: Qual foi o seu "click"?

Nova mensagempor Robh em 21 Nov 2008 10:31

alex escreveu:...e em setembro de 2007 o ministério do reino proibiu de fazer pesquizas independentes da Biblia, e proibiu de pesquizar o significado das palavras gregas e hebricas da biblia para comparar com a tradução do novo mundo, ali tive certeza de tinha algo errado dentro dos muros da torre!!



Gente, eu não sabia dessa do ministério de Set/2007! Fui conferir com meus próprios olhos no site Índice TJ... que absurdo! Lá fala que "alguns pesquisam o hebraico e o grego usados na Bíblia a fim de analisar a exatidão da Tradução do Novo Mundo. Outros pesquisam assuntos científicos relacionados à Biblia. (...) O escravo fiel e discreto não apóia quaisquer publicações, reuniões ou páginas na internet que não sejam produzidas ou organizadas sob a supervisão dele (...) Para os que desejam estudar mais, recomendamos usar nossas publicações..."

Ou seja, é praticamente proibido a qualquer TJ pesquisar em fontes seculares! É proibido "provar a verdade a si mesmo!!!!!!!"

Isso sim é um CLICKÃO! Nó!
"Libertas Quae Será Tamen” - Liberdade, ainda que tardia!
Avatar de usuário
Robh
Forista
Forista
 
Mensagens: 97
Data de registro: 17 Nov 2008 07:20
Localização: Belo Horizonte, MG

Re: Qual foi o seu "click"?

Nova mensagempor Inu-Yasha em 21 Nov 2008 19:48

cabraldestroyer escreveu:Sergio cita:
e tambem a pregação absurda de que o cristão deve ter cuidado com a educação superior.

Ola Sergio, o q ocorre, é q o corpo governante atual, nao tem autoridade de anular as palavras de Jesus de "buscar primeiro o reino", o corpo governante atual, entende q se insentivar o ensino superior, está anulando essas palavras de Jesus.
abraços.


Vai me desculpar, mas pq a Torre quer pessoas de nível superior em Betel? Onde ela vai arrumar, por exemplo, os médicos que existem lá? E os advogados? E os engenheiros?

"Buscar primeiro o Reino" sim, mas primeiro do que o primeiro são os nossos próprios interesses..rs.

Ah, Cabral...massssssss.....é 2 pesos e 2 medidas, com todo o respeito.

Vai fazer uma petição prá Betel, vai...depois vc me conta...se bem que com o seu histórico de comissões, etc. eles vão rir da sua cara, por trás, se vc sequer cogitar fazer algo assim....

Se for para ela, ela mais do que rapidinho aprova...e para fazer parte da "Elite" se vc usar a instrução para ela "grátis" aí você tem aprovação TOTALLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLL :twisted:
Imagem "Paz e amor entre os povos"
Avatar de usuário
Inu-Yasha
Forista
Forista
 
Mensagens: 1208
Data de registro: 01 Nov 2008 15:21
Localização: Taboão da Serra - SP

Re: Qual foi o seu "click"?

Nova mensagempor Rogério em 21 Nov 2008 19:54

Até conhecer o caso ONU , nunca me passou pela cabeça questionar a torre. Depois que eu soube do caso ONU nem me preocupei com o que era ensinado: simplesmente peguei todas as publicações no dia seguinte e joguei toda a pilha dentro do latão de lixo.

:8
(^_^)
Avatar de usuário
Rogério
Forista
Forista
 
Mensagens: 1842
Data de registro: 15 Nov 2008 17:36

Re: Qual foi o seu "click"?

Nova mensagempor leandro em 21 Nov 2008 20:08

Eláaaaaaaaaa, tanto cilck... :lol: :lol:

Bem meu cilck foi mesmo com o rato. CLICK.... E FORUM tj's Livres.
Ao ler como visitante, eu ria e comentava ... estes apostatas não têm caracter nenhum.

Vou me registar e vou dar uma tareia neles....

CLICKCLICKCLICKCLICKCLICK,pra li,...CLICKCLICKCLICKCLICKCLICK prá colá,CLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICKCLICK , ok,okokokokok, Já percebi...

Tou sendo enganado. E..... EU DESTESTO FALSIDADE....

Por isso estou aqui mais FIRME DO QUE NUNCAAAAAAAAAAAA :8


VIVA A DISSIDÊNCIA
Imagem



Apostolakis o Portuga :8 ;)
A felicidade é o Supremo Bem e o propósito da vida, o completo desígnio e finalidade da existência humana.

**Aristóteles**
Avatar de usuário
leandro
Desativado a pedido do usuário
 
Mensagens: 934
Data de registro: 01 Nov 2008 07:01
Localização: Na Terra lololol

Próximo

Retornar para Depoimentos

Quem está online

Usuários vendo este fórum: Beatrice Prior, Chakal, Mocorongo, Optimus Prime, RAPUNZEL ENROLADA, Yahoo [Bot] e 37 visitantes