[desdobramento] acompanhem conversa com um ancião TJ : Depoimentos - Page 2
Seja Bem-Vindo Testemunhas de Jeová - Ex Testemunhas de Jeová. Clique aqui e cadastre-se para participar


[desdobramento] acompanhem conversa com um ancião TJ

Depoimentos de ex-testemunhas de Jeová, cartas de dissociação e depoimentos sobre a vida pós Torre de Vigia. Aqui fala mais alto a sinceridade, o sentimento e muitas vezes os relatos nos impressionam pela falta de algo que mais as Testemunhas de Jeová dizem praticar: o amor ao próximo!
Fique a vontade para contar suas vivências

Re: [desdobramento] conversa com ancião tj, pt3

Nova mensagempor miguel arcanjo em 30 Nov 2012 13:18

Sds a todos,

Já faz uma semana, porém até o momento nenhuma resposta do ANCIÃO TJ,
modelo de "dádivas em homens" na congregação.
Imagine uma ovelha presa em uma cerca´, sendo sufocada por uma semana...
Deixar as 99 e ir atrás da ovelha perdida é muito sacrifício para ele (eles)...

Escrevi essa carta,
não para me dirigir a ele,
e sim para mostrar e provar para a minha esposa e filhos TJs,
como funciona a "VERDADE" sobre a verdade TJ.

Esse ancião TJ,
é aquele típico TJ burguês
ele fez MBA na HARVARD BUSINESS SCHOOL,
financiou a faculdade da esposa e filhos...

Vocês se perguntam, e daí qual é o problema nisso?

Não existe nenhum problema em se formar, ou formar a família.

O PROBLEMA
É SER CARA DE PAU
FAZER DISCURSOS E PARTES NOS CONGRESSOS
(COM DIREITO A ENTREVISTA E TUDO)
DESENCORAJANDO OS JOVENS (DE FAMÍLIAS HUMILDES)
A NÃO CURSAREM CURSO SUPERIOR
PORQUE O FIM ESTÁ PRÓXIMO............... :iergh7:
SEM COMENTÁRIOS.......................................................
Avatar de usuário
miguel arcanjo
Forista
Forista
 
Mensagens: 1103
Data de registro: 23 Jan 2012 22:03
Localização: M A T R I X
Localidade: Não quero responder

Re: [desdobramento] acompanhem conversa com um ancião TJ pt1

Nova mensagempor miguel arcanjo em 30 Nov 2012 13:34

Manus,


“Tenha muito cuidado para ser preciso em todas as afirmações que fizer. Use honestamente a evidência. Nas citações, não torça o significado de escritor ou use parcialmente as citações para dar uma idéia diferente do que o autor desejou." (Qualificados para Ser Ministros, pág. 199)

Quão diferente é isso do apelo a César feito pelo nosso irmão Paulo no primeiro século! Paulo nunca se comprometeu a “consagrar parte de seus programas de informação a promover o conhecimento dos princípios e atividades de César”. Nem ele se comprometeu em preencher um relatório anual de suas atividades pró-César.

mUITOS EX TJS sabem sobre o fato ONU & WATCHTOWER,
porém ainda não estão a par das informações completas,
leiam na íntegra os LINKS ABAIXO - por favor

http://testemunha.orgfree.com/onu.htm
http://corior.blogspot.com/2006/02/test ... veram.html
http://parpen.tripod.com/Kent.htm
http://parpen.tripod.com/Mentiras_STV.htm
http://parpen.tripod.com/somebody.htm
http://parpen.tripod.com/evidencia.htm
http://parpen.tripod.com/artigos.htm
http://parpen.tripod.com/noticias.htm
REFUTAÇÃO DAS ALEGAÇÕES TJS por TREVOR SCOTT
http://indicetj.com/leitores/3.htm


¿Qué es una ONG?
Una organización no gubernamental es cualquier grupo de ciudadanos voluntarios sin ánimo de lucro que surge en el ámbito local, nacional o internacional, de naturaleza altruista y dirigida por personas con un interés común. Las ONGs llevan a cabo una variedad de servicios humanitarios, dan a conocer las preocupaciones ciudadanas al gobierno, supervisan las políticas y apoyan la participación política a nivel de comunidad. Proporcionan análisis y conocimientos técnicos, sirven como mecanismos de alerta temprana y ayudan a supervisar a implementar acuerdos internacionales. Algunas están organizadas en torno a temas concretos como los derechos humanos, el medio ambiente o la salud. Sus relaciones con oficinas del sistema de naciones unidas difieren según los objetivos, el punto de encuentro y el mandato.”
Numa brochura das Nações Unidas, encontra-se a descrição de “Organizações Não Governamentais” (doravante designadas NGO, sigla em inglês) associadas à ONU por meio de seu “Departamento de Informação Pública” .
Ao pesquisar exemplos de NGO’s associadas ao DPI da ONU encontramos entre outras, a Sociedade Torre de Vigia de Bíblias e Tratados de Nova Iorque (NGO - Watchtower Bible and Tract Socíety of New York, Inc) como “organização voltada aos direitos humanos”.
Ao pesquisar os requisitos, deveres e compromissos das NGO’s e a história do DPI da ONU, encontramos os seguintes fatos:
O QUE É UMA “NGO ACREDITADA” A ONU?
“As NGO tentam... promover o envolvimento político da população”.
“As NGO dão às Nações Unidas uma boa ligação para com cidadãos em todo o mundo.”
“O DPI ajuda as NGO a receber informações e a difundi-las para dar à população um melhor entendimento dos objetivos da organização mundial [ONU].”
“Mais de 1500 NGO... permitem às Nações Unidas uma melhor relação com a população.”
O compromisso para as NGO associadas a ONU – DPI é “difundir informações e mobilizar a opinião publica em apoio da ONU”.
Perante isto, a afirmação da ONU de que uma ONG, utilizada pelas Testemunhas de Jeová fazer parte desse organismo político internacional, é realmente um insulto para verdadeiros cristãos, não é mesmo?
Como cooperam as NGO e a UNU - DPI?
“As NGO acreditadas pelo DPI ONU - difundem informações sobre a ONU... sobre atividades das Nações Unidas ao redor do mundo, sobre assuntos tais como paz e segurança e promovem observâncias das Nações Unidas e ***ANOS INTERNACIONAIS*** estabelecidos pela Assembléia Geral.”
Perante tal afirmação, somos impelidos em repetir uma citação do escravo fiel e discreto:
****re 249 34 Solucionado um espantoso mistério****
Não obstante, as religiões do mundo — sempre ansiosas de boa afinidade com a ONU — empreenderam a divulgação daquele ***ANO DE PAZ*** de diversas maneiras.
Ainda sob o referido tema, lemos:
“As NGO promovem uma melhor compreensão e apoio pelas populações para com a ONU”.
Sob o tema História da Cooperação entre o DPI e as NGO encontra-se o seguinte:
Uma resolução de 23.05.1968 determina que uma NGO “SE COMPROMETA A APOIAR OS TRABALHOS DA ONU E A DIFUNDIR O CONHECIMENTO SOBRE AS SUAS ATIVIDADES”
COMO SE PROCESSA A ASSOCIAÇÃO DAS NGO AO DPI – ONU?
“A NGO deve dirigir um ofício [sendo portanto, um processo de iniciativa voluntária] manifestando o seu interesse em se associar.”
Ainda neste subtema é afirmado que, embora as NGO não façam parte do sistema da ONU e que os colaboradores das NGO não desfrutem de direitos especiais ou privilégios por parte das Nações Unidas, cada NGO elege um representante e um substituto para os trabalhos a desenvolver conjuntamente com o DPI.
É apropriado neste contexto, ENFATIZAR que o REPRESENTANTE DA NGO - Watchtower Bible and Tract Socíety of New York, Inc, era o falecido membro do Corpo Governante, o irmão W.L. BARRY.
A idéia de um organismo da fera “ACREDITAR” um organismo de JEOVÁ, é deveras CONSTRANGEDORA E OFENSIVA!
...que parceria tem a Luz com a escuridão?" - II Coríntios 6:14
Salientando que: PARA ESTA FUNÇÃO, O REPRESENTANTE DA NGO – WATCHTOWER, DISPUNHA DE UM ESPECIAL“PASSAPORTE DIPLOMÁTICO NA ONU”
A “RELAÇÃO SOLIDÁRIA E AFINIDADES” ESTABELECIDAS ENTRE A ONU (DPI) e a WATCHTOWER SÃO NOTORIAMENTE EVIDENTES!
Existem até mesmo, conforme descrito acima, critérios de seleção e procedimentos para “acreditar” uma NGO pelo DPI. Perante os muitos detalhes dados pela ONU sobre reuniões de trabalho na sede das Nações Unidas, custa-nos a imaginar a participação voluntária de uma Testemunha de Jeová em uma só reunião na sede mundial da fera.
Finalizando, a referida brochura da ONU salienta ainda que “desde a fundação das Nações Unidas, as NGO (das quais alegadamente a Watchtower fazia parte) fizeram um trabalho valioso... mobilizando a opinião pública a favor da ONU e/ suas organizações especiais.”
Vejamos os artigos favoravelmente tendenciosos das revistas Despertai!, em prol da Carta das Nações Unidas, firmadas como COMPROMISSO COM A ONU:
Despertai! 08/09/1991 – *Artigo de Capa “As Nações Unidas” A sua Busca da Paz Mundial Esta revista destacou 10 páginas exclusivamente dedicadas a exaltação da política social da ONU
Despertai! 22/11/11998 – *Artigo de capa mais sete páginas exclusivas a política social das Nações Unidas.
Significativa é a derradeira afirmação de que “a associação com o DPI significa um COMPROMISSO”.
O secretário-geral Kofi Anan chega mesmo a ser citado intitulando as NGO como “importantes atores no palco internacional”.
Tudo isso relatado, nos deixa estarrecidos, perplexos e profundamente contristados.
Nós cristãos, não firmamos “compromisso”, por iniciativa voluntária, com os poderes políticos deste sistema moribundo, porque somos submissos a um Reino que não é deste mundo e como tal não somos “importantes atores no palco internacional” como o Sr. Kofi Anan da ONU quer fazer crer.
Quão diferente é isso do apelo a César feito pelo nosso irmão Paulo no primeiro século! Paulo nunca se comprometeu a “consagrar parte de seus programas de informação a promover o conhecimento dos princípios e atividades de César”. Nem ele se comprometeu em preencher um relatório anual de suas atividades pró-César.
Se a Sociedade Torre de Vigia, não tinha realmente a intenção de assumir esses compromissos com a ONU – DPI, foi manifesto este conhecimento à ONU quando em seu pedido de “ADESÃO VOLUNTÁRIA”?
A brochura da ONU – DPI, declara abertamente que na petição inicial da Sociedade “teve de ser mencionado o verdadeiro objetivo para tal associação”.
Será, que foi aproveitada essa oportunidade, para fazer um claro distanciamento dos habituais compromissos assumidos por mais de 1500 NGOs?
As amostras de matéria publicadas pela Watchtower sobre a ONU, incluíram destemidamente exemplos do livro Revelação ou outras publicações semelhantes? Foi realmente dado um testemunho, ou houve um SILÊNCIO CONIVENTE?
Um dos jornais com maior tiragem na Grã-Bretanha, THE GUARDIAN publicou o artigo em 08/10/2001, página 13: http://www.guardian.co.uk/uk/2001/oct/08/religion.world
Após esse artigo ser publicado, um representante da ONU, deu a entender que iriam reavaliar a cooperação entre as duas organizações (ONU e Watchtower).
Diante, do contexto de uma associação voluntária e os compromissos assumidos a palavra mais indicada é “estranheza”.
Mas, o mais inquietante é o seguinte:
Será, que a Watchtower pode afirmar, que nada de errado nesta estranha associação?
Nesse caso, por favor, expliquem a este vosso irmão, por qual razão apenas UM DIA após essa afirmação a Sociedade pediu à ONU a anulação das ligações assumidas? http://www.guardian.co.uk/uk/2001/oct/1 ... tednations
Preocupa-me, deveras, ver que há falta de consenso bem dentro do seio da Organização. Se tudo estava bem e biblicamente correto, por que voltar atrás? E por que voltar atrás só depois desta relação com a ONU se ter tomado conhecimento público?
Perguntas pertinentes:
O livro “Prestai Atenção a Vós Mesmos e a Todo o Rebanho” declara na página 112:
“Foi a confissão voluntária, ou a pessoa teve de ser acusada por outros antes de confessar? Foi sua relutância em falar mais devido a forte vergonha do que falta de arrependimento? Acima de tudo, mostrou verdadeiro arrependimento e manifestou desejo sincero de evitar a repetição do erro?”
A SENTINELA (1/5/1957, pág. 284-6, ed. inglês, publicou o artigo "Uso Estratégia de Guerra Teocrática"), note o que narrava o referido artigo:“Em tempo de guerra teocrática é apropriado enganar o inimigo por esconder a verdade. Em todas as alturas é preciso ser muito cauteloso em não divulgar qualquer informação para o inimigo que possa ser usada para impedir a obra de pregação.”
Eu não sei, se eu e a fraternidade mundial das Testemunhas de Jeová, todos os nossos irmãos, que se mostraram preocupados, são considerados o “inimigo” para receberem informações duvidosas. (Gálatas 4:16)
“Tenha muito cuidado para ser preciso em todas as afirmações que fizer. Use honestamente a evidência. Nas citações, não torça o significado de escritor ou use parcialmente as citações para dar uma idéia diferente do que o autor desejou." (Qualificados para Ser Ministros, pág. 199)
No espírito de não criar ‘pedras de tropeço’ a Sociedade deveria:
1) Publicar a petição de adesão escrita em 1991 com o conhecimento do Corpo Governante ( está assinada pelo falecido irmão Lloyd Barry).
2) Revelar que exemplos de publicações recentes sobre a ONU foram entregues em 1991.
3) Publicar todos os relatórios (que segundo o DPI foram sempre entregues) anuais preparados para prestar contas do apoio à ONU.
4) Revelar quais as quatro entidades que apoiaram a adesão da Sociedade (conforme solicitado na alínea no 21 do formulário de adesão).

5) Explicar, caso a intenção da associação era manter o máximo distanciamento ainda possível da ONU, porque na pergunta no 3 foi dada a resposta “Sim”, quando havia a opção “Não”. (Teria sido possível ser uma NGO acreditada pelo DPI sem nomear um representante da Sociedade perante o DPI. No entanto, foi nomeado o irmão Lloyd Barry do Corpo Governante e após a sua morte o irmão Ciro Aulicino.)
6) Explicar porque se encontram na revista Despertai! nos números editados na década de 90 muitos artigos que cumprem os critérios estabelecidos pela ONU, quando tal não aconteceu nem quantitativamente nem qualitativamente na década de 80, 70 etc.
Vejamos os artigos favoravelmente tendenciosos das revistas Despertai!, em prol da Carta das Nações Unidas, firmadas como COMPROMISSO COM A ONU:
Despertai! 08/09/1991 – *Artigo de Capa “As Nações Unidas” A sua Busca da Paz Mundial Esta revista destacou 10 páginas exclusivamente dedicadas a exaltação da política social da ONU
Despertai! 22/11/11998 – *Artigo de capa mais sete páginas exclusivas a política social das Nações Unidas.
7) Explicar porque, após isso tudo foi solicitada a dissociação do DPI por parte da Sociedade, ao que os responsáveis dentro da ONU responderam com a desassociação da Sociedade em 09.10.2001.

A Quem Possa Interessar:
Recentemente a Seção ONG [Organizações Não Governamentais] tinha estado a receber numerosos pedidos de informação sobre a associação da Watchtower Bible and Tract Society of New York [Sociedade Torre de Vigia de Bíblias e Tratados de Nova Iorque] com o Departamento de Informação Pública (DPI). Esta organização requereu associação com o DPI em 1991 e foi-lhe concedida associação em 1992. Ao aceitar associação com o DPI, a organização concordou em preencher os critérios para associação, incluindo apoio e respeito aos princípios da Carta das Nações Unidas e compromisso e meios de conduzir programas de informação efetivos com os seus constituintes e para uma audiência mais vasta sobre as atividades dasNU [NaçõesUnidas].

Em outubro de 2001, a Watchtower Bible and Tract Society of New York pediu o término da sua associação com o DPI. Seguindo este pedido, o DPI tomou a decisão de desassociar a Watchtower Bible and Tract Society of New York em 9 de outubro de 2001.
A versão dos documentos para adesão em 1991 - arquivados na sede da Torre de Vigia - não conteria "quaisquer declarações que conflitem com as crenças" das Testemunhas de Jeová, o que poderia ser confirmado ou negado, caso a organização levasse a público tais papéis (coisa que, até a atualidade, não fez, só alimentando as suspeitas de que há algo objetável neles).
Será, que realmente existiu uma versão "mais recente" dos critérios de admissão para novas ONG's, conflitante com aquela fornecida ao escritório central das Testemunhas de Jeová?
Esse último ponto é igualmente insustentável, pois o critério usado pelo DPI para credenciar ONG's foi oficialmente listado em 1968 pelo Conselho Econômico e Social das Nações Unidas (ECOSOC). No parágrafo 3 do Comitê ECOSOC, Resolução 1296, que foi editada em 1967, está escrito
“ A organização se comprometerá em dar apoio ao trabalho das Nações Unidas e promover o conhecimento de seus princípios e atividades, de acordo com seus próprios objetivos e propósitos e a natureza e abrangência de sua competência e atividades.")

Considerações Finais

Jesus respondeu-lhe:
“Falei ao mundo publicamente. Sempre ensinei numa sinagoga e no templo, onde todos os judeus se reúnem; e não falei nada em secreto.” (JOÃO 18:20)

Ou pode ser que alguém renuncie ao seu lugar na congregação cristã por meio de suas ações, tais como por tornar-se parte duma organização cujo objetivo é contrário à Bíblia, e, por isso, vem sob o julgamento de Jeová Deus. (Veja Revelação 19:17-21; Isaías 2:4.) Portanto, quando alguém que era cristão decide juntar-se aos que são desaprovados por Deus, é apropriado que a congregação reconheça, por meio dum breve anúncio, que ele se dissociou e não é mais Testemunha de Jeová. (A Sentinela, 15/12/81, pg. 19, § 15).

Infelizmente, a Watchtower NÃO APRESENTOU QUALQUER PROVA em apoio à sua declaração de que foi *depois* de 1992 que os requisitos de “apoio” à ONU e para “edificar a compreensão pública e o apoio aos programas e objetivos das Nações Unidas”, etc, foram impostos às ONGs pela ONU.

Citações do comunicado à imprensa de *1992*:
• "... construir a compreensão pública e *apoiar* os programas e objetivos
• "...apoiar a Carta das Nações Unidas"
Citações da brochura de *1992*:
• "...mobilizar a opinião pública...para as Nações Unidas."
• "...Monitorar e promover políticas ... em apoio aos objetivos e resoluções das Nações Unidas..."
Citações da Resolução de *1968* (1296):
• "...*apoiar* o trabalho das Nações Unidas..."
• "... estar de acordo com o espírito, propósitos e princípios da Carta das Nações Unidas."

Por favor, permita-me perguntar: uma vez que aparentemente não havia segredo a respeito da “ACREDITAÇÃO VOLUNTÁRIA” por parte da Watchtower, quando, você, eu e a fraternidade mundial das Testemunhas Cristãs de Jeová foram formalmente informadas deste VÍNCULO? Quem foi realmente informado, notificado dessa associação entre a Watchtower Society e as Nações Unidas? Foi antes, ou depois da matéria ser exposta ao público mundial publicada no Jornal Britânico THE GUARDIAN?
Foi depois do fato ter sido descoberto e tornado público! Em outras palavras, depois da história chegar aos jornais.

Trechos de um comunicado à imprensa datado de 7 de agosto de 1992 (este foi o ano em que a Watchtower Society foi agraciada com o status de associada à ONU), emitido pelo Departamento de Informação Pública das Nações Unidas (ênfase acrescentada)
A ONG reconhecida oficialmente pelo DPI coopera com as Nações Unidas em ajudar a construir o entendimento público e a apoiar os programas e objetivos das Nações Unidas.
Para ter garantida sua associação com o DPI, as ONGs deverão ser organizações não lucrativas, reconhecidas nacional e internacionalmente; apoiar a Carta das Nações Unidas; ter uma ampla base de membros associados; e possuir os recursos necessários para uma expansão efetiva.
Trecho de uma carta datada de 24 de janeiro de 2002, do Chefe Interino do Departamento de Informações Públicas das Nações Unidas (ênfase acrescentada) :
...ver a seguir, por favor o parágrafo que é incluído em todas as cartas encaminhadas em 1992 às ONGs cuja associação com a ONU foi aprovada.
"O principal objetivo da associação de organizações não-governamentais com o Departamento de Informações Públicas das Nações Unidas é a redisseminação de informações que possam aumentar o entendimento público dos princípios, atividades e conquistas das Nações Unidas e suas agências. Consequentemente, é importante que vocês nos mantenham informados sobre os programas de sua organização relacionados com as Nações Unidas, inclusive nos remetendo exemplares de suas publicações mais importantes. Estamos incluindo um brochura sobre "As Nações Unidas e as Organizações Não-Governamentais",que lhes fornecerá algumas informações sobre as relações com a ONG."
Adicionalmente, os requisitos para as ONGs se tornarem associadas ao DPI incluem os seguintes:
• que a ONG compartilhe dos ideais da Carta das Nações Unidas;
• opere somente numa base não-lucrativa;
• demonstre interesse nos desafios das Nações Unidas e possua habilidade comprovada para atingir grandes audiências ou um público especializado...
• se envolva e tenha os meios necessários para conduzir programas de informação efetivos sobre as atividades da ONU...
Trecho da brochura "As Nações Unidas e as Organizações Não-Governamentais", citada na carta de 24 de janeiro de 2002 (ênfase acrescentada). Esta brochura foi encaminhada em 1992 a todas as ONGs registradas, o que incluiu a Watchtower Society:
As Organizações Não-Governamentais...
• desempenham um papel crucial na mobilização da opinião pública e na edificação do entendimento sobre as Nações Unidas, suas agências relacionadas e seus programas;
• monitoram e promovem as políticas de seus próprios países apoiando os objetivos e resoluções das Nações Unidas.
Outro trecho da mesma brochura encaminhada em 1992 (ênfase acrescentada) :
As ONGs submetem sua candidatura à associação através da Seção de ONGs e Relações Institucionais do DPI. Um comitê de Secretariado sênior decide com base no critério estabelecido.
Recapitulando:
1. "por aceitar a associação com o DPI, a Watchtower Society concordou em atender aos *critérios para associação*..."
2. "As ONGs submetem sua candidatura à associação através da Seção de ONGs e Relações Institucionais do DPI. Um comitê de Secretariado sênior decide *com base no critério estabelecido*"
3. "...os *critérios* para as ONGs se tornarem associadas ao DPI incluíam os seguintes:que a ONG compartilhava dos ideais da Carta das Nações Unidas...tinha compromisso e meios para programas de informação efetivos sobre as atividades das Nações Unidas..."
4. "Para garantir sua associação ao DPI, as ONGs tinham ... que *apoiar* a carta das Nações Unidas"
5. "As ONGs oficialmente reconhecidas pelo DPI cooperavam com as Nações Unidas ajudando a edificar o entendimento público e*apoiando* os programas e objetivos das Nações Unidas."
6. As ONGs deveriam "[mobilizar] a opinião pública...a favor das nações Unidas."
7. A ONGs deveriam "promover políticas em *apoio* dos objetivos e resoluções das Nações Unidas
O "critério para associação" claramente já existia em 1991/1992, quando Watchtower Society se juntou às demais religiões do mundo na busca e obtenção da associação formal com as Nações Unidas. E este critério incluía, claramente, "apoiar" as Nações Unidas.
Esta afirmação também é feita na brochura "As Nações Unidas e as Organizações Não-Governamentais" citada acima e que foi encaminhada em 1992 a todas as ONGs registradas :
• A Associação com o DPI [das Nações Unidas] é feita com base na resolução 1297 do ECOSOC que autoriza ao DPI se associar às ONGs tendo em mente "a carta e o espírito da resolução 1296 do ECOSOC."
• A resolução 1296 do ECOSOC (XLIV, de 23 de maio de 1968), declara em parte que uma ONG "...deverá concordar em *apoiar* o trabalho das Nações Unidas e promover a divulgação de seus princípios e atividades..." e "os anseios e objetivos da organização deverão estar em conformidade com o espírito, objetivos e princípios da Carta das Nações Unidas."
O "critério para associação" com as Nações Unidas em 1991 até 2001 *NÃO* mudou de maneira significativa desde que a Watchtower Society vinculou-se a ONU. De fato, a chamada inicial para as ONGs se associarem ao DPI, lá em *1968*, concordava com ambos "a letra e o espírito" da resolução 1296 do ECOSOC, segundo a qual as ONGs deveriam endossar o "apoio ao trabalho das Nações Unidas" e "estar em conformidade com o espírito, objetivos e princípios da Carta das Nações Unidas". Desde o início, foi com esse objetivo que as ONGs foram aceitas como associadas das Nações Unidas.
Conforme pode ser visto, a afirmação de que apenas "anos mais tarde" e "sem conhecimento do Corpo Governante das Testemunhas de Jeová" é que tais requisitos foram acrescentados, é patentemente FALSA.
Será que ONU é apenas mais um organismo legal como A Suprema Corte Europeia? Vamos ver, segundo a própria literatura da Watchtower:
"...as Testemunhas de Jeová reconhecem que as Nações Unidas é repugnante para Deus..." (A Sentinela, 03/01/1967, pg. 157 - em inglês).
"...'a coisa repugnante que causa desolação' ... são as Nações Unidas." (Ministério do Reino, 08/94, pg. 5-6 – em inglês).
"As Nações Unidas são na realidade uma aliança mundial contra Jeová Deus e suas dedicadas Testemunhas na terra. São realmente uma conspiração, na qual as nações do mundo se consultam e tramam o que podem fazer contra a organização visível de Jeová Deus na terra. (A Sentinela, 01/09/87, pg. 20, § 13).
"[A ONU] é realmente uma 'conspiração', sim, uma conspiração contra os preciosos interesses do Reino de Deus por Cristo.." (A Sentinela, 15/03/84, pg. 22, § 4) .
"A ONU, na realidade, é uma imitação blasfema do Reino Messiânico de Deus, o qual é regido pelo Seu Príncipe da Paz, Jesus Cristo — de cujo domínio principesco não haverá fim." (Clímax de Revelação, pg. 248, § 9).
"[A ONU é] a 'fera cor de escarlate', que é a imagem do sistema político de Satanás, manchado de sangue. (O Homem em Busca de Deus, pg. 370, § 10)
"Lá estão elas, as Nações Unidas, agindo em desafio ao Príncipe da Paz, o Governante legítimo da terra, o Senhor Jesus Cristo,..." (A Sentinela, 15/07/77, pg. 428, § 27).
...esquemas anti-Cristo para a paz tais como a Organização das Nações Unidas." (A Sentinela, 01/08/56, pg. 462-3 – em inglês).
"[A ONU] funciona como um porta-voz para propaganda satânica." (A Sentinela, 15/06/61, p. 360, em inglês).
"Satanás tem seus sinais e maravilhas, o mais importante de todos sendo a Organização das Nações Unidas com sua sede na cidade de Nova York." (A Sentinela, 01/03/59, pg. 150, em inglês).
"Este substituto, produto do ciúme de Satanás, que é uma coisa repugnante aos olhos de Deus, que cria ressentimento em Jeová Deus, que desola a fé das pessoas no Reino de Deus, que eventualmente causará a sua própria destruição, não é outro senão o esquema do homem moderno, uma associação mundial de nações que primeiro apareceu como Liga das Nações e depois como a Organização das Nações Unidas." (A Sentinela, 01/12/52, pg. 714, em inglês).
De acordo com a Watchtower Society no número da revista A Sentinela de 01 de março de 1967, o que é que era "repugnante para Deus"? A idéia de que a ONU era o "Reino de Deus sobre a Terra"? Ou era a própria ONU?
De acordo com a Watchtower Society no número da revista A Sentinela de 01 de setembro de 1987 a "aliança mundial contra Jeová Deus" era a ideia de que a ONU era o "Reino de Deus na Terra" ou era a própria ONU?
Segundo o livro da Watchtower Society, Clímax de Revelação, a "imitação blasfema do Reino Messiânico de Deus" era meramente o conceito das Nações Unidas como o "Reino de Deus na Terra"? Ou a própria ONU é que era "uma imitação blasfema do Reino Messiânico de Deus"?

A questão é que a Watchtower Society voluntariamente buscou e obteve associação formal com a organização que ela afirma que é:
1. "repugnante para Deus"
2. "uma aliança mundial contra Jeová Deus e suas Testemunhas dedicadas"
3. "uma conspiração contra os preciosos interesses do Reino de Deus por Cristo"
4. "uma imitação blasfema do Reino Messiânico de Deus"
5. "a imagem do sistema político de Satanás manchado de sangue"
6. "o anti-cristo"
7. "a coisa repugnante" de Daniel
8. "porta-voz para propaganda satânica"
9. "o mais proeminente sinal e maravilha de Satanás"
10. "o produto do ciúme de Satanás"
11. "suscita ressentimento em Jeová Deus"
12. "[desolar] a fé das pessoas no Reino de Deus"
13. a "fera de cor escarlate" de Revelação
Voluntariamente, a Watchtower Society se registrou junto ao ”mais proeminente sinal e maravilha de Satanás”, aquele ”porta-voz para propaganda satânica” e concordou em utilizar as suas próprias publicações para “edificar o conhecimento público e apoiar os programas e objetivos das Nações Unidas”. A Watchtower Society se aconchegou àquela “aliança mundial contra Jeová Deus”, se comprometendo em disseminar a propaganda das Nações Unidas em suas publicações e demais atividades.

Você acredita que Jeová Deus compartilharia Seu “canal de comunicação” com uma organização que na verdade é uma “conspiração contra os preciosos interesses de [Seu] Reino”?
Compartilharia Ele Jeová, seu canal de comunicação com a fera escarlate de Revelação? (Naum 1:2)
Avatar de usuário
miguel arcanjo
Forista
Forista
 
Mensagens: 1103
Data de registro: 23 Jan 2012 22:03
Localização: M A T R I X
Localidade: Não quero responder

Re: [desdobramento] conversa com ancião tj, pt3

Nova mensagempor LEAthermoUTh em 01 Dez 2012 07:06

Parabéns pelo esforço em mostrar a verdade doída ( doída, e não doida, rsrs) á sua família, Isso Deve ser uma grande luta e difícil... Parabéns! :8
"Quem manda no tempo é o céu.
Quem manda no céu é Deus.
Quem manda em Deus é o Homem."

Vanguart, Homem-deus.
Avatar de usuário
LEAthermoUTh
Forista
Forista
 
Mensagens: 992
Data de registro: 16 Jul 2012 21:53
Localização: Curitiba
Localidade: Paraná

Re: [desdobramento] conversa com ancião tj, pt3

Nova mensagempor Carnival em 01 Dez 2012 10:21

Bom. Pra ele te responder e ele vai ter que pesquisar.... e nós sabemos o que acontece com quem pesquisa... :mrgreen:
Eu não quero "acreditar", eu quero "saber".
Avatar de usuário
Carnival
Desativado a pedido do usuário
 
Mensagens: 336
Data de registro: 12 Mar 2012 13:42

Re: [desdobramento] acompanhem conversa com um ancião TJ

Nova mensagempor miguel arcanjo em 04 Dez 2012 11:15

Sds a todos,

Escrevi os e-mails para o ANCIÃO Tj,
na singela expectativa de que a minha esposa parasse e prestasse mais atenção,
ao que estou tentando falar faz um ano.

A minha esposa leu os e-mails. Então ela me disse:
"O CG errou errou, mas a LUZ clareia mais e mais..."

Então eu perguntei:
Ora, o Escravo Fiel TJ, CG não recebe as LUZES antes de todo o mundo mortal?
Então, porque R.Franz já havia escrito sobre isso há 30 anos atrás?
E também, ele Franz não foi original porque,
nehuma religião sustentou tal ideía teológica (somente Tjs e Adventistas = mesma koisa),
pelo contrário, qualquer evangélico de plantão "ainda aguarda a vinda do Cristo nas nuvens"....

Ainda sobre a velha questão das NOVAS LUZES, vejam o que mostrei para ela:
Imagem

No final da conversa com ela, a minha esposa insurge em me repelir enfatizando antes de ir ao SR no Domingo:

"O ANCIÃO TJ, não lê estas coisas apóstatas,
agora nesse horário ele está levando a esposa e filhos para o SR
depois ele vai presidir o estudo da revista A Sentinela,
enquanto você
éh sóh um
´.... um..... umm.... apóstata!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Avatar de usuário
miguel arcanjo
Forista
Forista
 
Mensagens: 1103
Data de registro: 23 Jan 2012 22:03
Localização: M A T R I X
Localidade: Não quero responder

Re: [desdobramento] acompanhem conversa com um ancião TJ

Nova mensagempor Eduardo.TJ em 04 Dez 2012 19:50

Taí, Miguel Arcanjo.
E eu aqui, egoistamente achando que só eu passo por isso em casa, hein?

Que situação, meu amigo.
E caramba, que pesquisas maneiras que você faz. Esse artigo aí que você traduziu pra sua esposa, foi demais!
Já notou que a gente não precisa ferrar com o CG? Eles mesmo se ferram sozinhos. Basta que a gente apenas mostre essas mancadas.
_________________________________
Apenas as Testemunhas de Jeová não conhecem as Testemunhas de Jeová.
Avatar de usuário
Eduardo.TJ
Forista
Forista
 
Mensagens: 2094
Data de registro: 28 Ago 2011 11:32
Localização: Algum lugar do Brasil
Localidade: Não quero responder

Re: [desdobramento] acompanhem conversa com um ancião TJ

Nova mensagempor miguel arcanjo em 05 Dez 2012 08:08

eh isso mesmo manu Edward,

Percebo esse mesmo efeito, sintoma em muitas famílias (convivendo Tj & Dissidente).
É provadora essa situação e muito desgastante.

O maior inimigo da Watchtower não são os 'apóstatas',
éh a própria literatura deles, sobejamente contaditória e ambígua.
Avatar de usuário
miguel arcanjo
Forista
Forista
 
Mensagens: 1103
Data de registro: 23 Jan 2012 22:03
Localização: M A T R I X
Localidade: Não quero responder

Re: [desdobramento] acompanhem conversa com um ancião TJ pt1

Nova mensagempor kooboo em 05 Dez 2012 08:30

LEAthermoUTh escreveu:eu achei absurdo, mas, sim, ele falou que Jeová permite usar meios mundanos pra estabelecer as boas novas.


Até concordaria com isso se não houvessem outras fontes para conseguir as mesmas informações.
Bancos de imagens, informações e estatísticas tem diversos na internet.
Essa argumentação explica, mas não justifica.
[]'s
kooboo

Imagem
Avatar de usuário
kooboo
Moderador
Moderador
 
Mensagens: 12237
Data de registro: 01 Nov 2008 13:22
Localidade: Minas Gerais

Re: [desdobramento] acompanhem conversa com um ancião TJ pt1

Nova mensagempor maxtj em 05 Dez 2012 10:08

[/flash]
kooboo escreveu:
LEAthermoUTh escreveu:eu achei absurdo, mas, sim, ele falou que Jeová permite usar meios mundanos pra estabelecer as boas novas.


Até concordaria com isso se não houvessem outras fontes para conseguir as mesmas informações.
Bancos de imagens, informações e estatísticas tem diversos na internet.
Essa argumentação explica, mas não justifica.


E que TJ precisa de explicação para entender algo que o escravo diz? Tudo que está escrito é verdade, tudo que é falado numa reunião é verdade, tudo de um congresso é verdade... depois de um tempo ninguém mais pesquisa nada no intuito de saber se está certo ou não, pesquisam pra saber mais dessa suposta verdade, só isso.
Para os peixinhos do aquário, quem troca a água é Deus. - Mário Quintana
Avatar de usuário
maxtj
Forista
Forista
 
Mensagens: 815
Data de registro: 23 Out 2010 08:07
Localização: Goiânia - Go
Localidade: Goiás

Re: [desdobramento] acompanhem conversa com um ancião TJ

Nova mensagempor The Pretender em 07 Dez 2012 09:44

Maxtj???? escreveu:

"E que TJ precisa de explicação para entender algo que o escravo diz? Tudo que está escrito é verdade, tudo que é falado numa reunião é verdade, tudo de um congresso é verdade... depois de um tempo ninguém mais pesquisa nada no intuito de saber se está certo ou não, pesquisam pra saber mais dessa suposta verdade, só isso."


Exatamente! E pelo visto o Ancião tal irá ter o comportamente padrão da torre; pode-ser que ele após consultar os outros irá se informar sobre o que pode ser feito á você técnicamente para deixá-lo digamos na geladeira até a visita do SC. :shock:

Não estão acostumados e muito menos esperam que alguém chegue desta maneira tão informados como você; o comportamento dos tj"s tem um padrão totalmente previsível e inofensivo na maioria da vezes. Quando levam algo até eles geralmente são assuntos triviais que não dão nenhum trabalho. :soldier7:

Pelo visto ele não quer perder seu "status" e se complicar com nada.
"Confiar ou não confiar, eis a questão."
Avatar de usuário
The Pretender
Forista
Forista
 
Mensagens: 163
Data de registro: 15 Mai 2012 12:08
Localização: Abc Paulista

Re: [desdobramento] acompanhem conversa com um ancião TJ

Nova mensagempor Lincoln Six-Echo em 07 Dez 2012 10:48

miguel arcanjo escreveu:
No final da conversa com ela, a minha esposa insurge em me repelir enfatizando antes de ir ao SR no Domingo:

"O ANCIÃO TJ, não lê estas coisas apóstatas,
agora nesse horário ele está levando a esposa e filhos para o SR
depois ele vai presidir o estudo da revista A Sentinela,
enquanto você
éh sóh um
´.... um..... umm.... apóstata!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!


Miguel Arcanjo,

Imagino o que você sentiu ao ouvir essas palavras de sua esposa!

A minha não me chamou de apóstata, mas sei exatamente o que ela pensa sobre mim: que sou fraco na fé, que não tenho apreço pelas coisas sagradas porque renunciei ao meu "privilégio" de ancião, que estou desistindo de Jeová... Ela inclusive comentou isso com um ancião.
And I discovered that my castles stand upon pillars of salt and pillars of sand (Viva la vida, Coldplay)
Avatar de usuário
Lincoln Six-Echo
Desativado a pedido do usuário
 
Mensagens: 264
Data de registro: 18 Out 2012 10:56
Localização: São Paulo - SP
Localidade: São Paulo

Re: [desdobramento] acompanhem conversa com um ancião TJ

Nova mensagempor Ben em 07 Dez 2012 16:08

O EFD errou mas nunca reconheceu um erro que:
- Ceifou vidas;
- Levou à prisões;
- Criou vexames;
- Roubou esperanças;
- Destruiu famílias;
- Acabou com sonhos

Só isso.

Quer mais?

:iergh7: :home3: :mrgreen:
"A quantidade de alimentos necessária para cada ser humano é aquela que cabe na concavidade de suas mãos unidas" - Buda
Avatar de usuário
Ben
Desativado a pedido do usuário
 
Mensagens: 4247
Data de registro: 17 Nov 2008 12:05

Anterior

Retornar para Depoimentos

Quem está online

Usuários vendo este fórum: Nenhum usuário registrado online e 29 visitantes