Cultura americana e sua influencia na Torre : Publicações - Page 2
Seja Bem-Vindo Testemunhas de Jeová - Ex Testemunhas de Jeová. Clique aqui e cadastre-se para participar


Cultura americana e sua influencia na Torre

Um exame crítico sobre as mais diversas publicações da Associação Torre de Vigia, que engloba revistas, livros, folhetos etc.

Re: Cultura americana e sua influencia na Torre

Nova mensagempor Ex Tejotiano Roxo em 08 Fev 2018 17:22

Siamese_Dreamer escreveu:
Quanto à Torre de Vigia acabo divergindo por tabela, creio que parte de sua cultura seja advinda da cultura americana por motivos óbvios, afinal a cultura cristã da qual a ideia de Sola Scriptura foi formada, e o cristianismo em si, é muito forte na América no âmbito cultural. Em termos estruturais, a Torre de Vigia é exatamente oposta à cultura nos estados unidos. A Torre de Vigia possui uma estrutura de tomada de decisão centralizadora, enquanto que os americanos tem culturalmente uma noção muito descentralizadora de tomada de decisão e poder, por isso os Estados possuem em diversos termos muito mais poder do que o poder executivo central, e as cidades muita autonomia sobre os Estados, o que explica a existência atual das chamadas “cidades santuário” dentro de estados terminantemente contra essa política. Na cultura americana há o conceito de família e comunidade muito fortes, especialmente nas cidades rurais, o que na mente de muitos americanos devem ser uma barreira à centralização de poder. Outro conceito cultural muito forte é o que chamam de “do it yourself”, onde o governo não deve dizer como gastar seu dinheiro, como te obrigar a pagar por exemplo por um sistema de saúde estatal(conforme mostra seu artigo), e o poder central não dizer a você ou sua comunidade como viver (por isso a federalização muito forte), e você que precisa ir atrás de fazer suas coisas do jeito que desejar. Na Torre de Vigia é o oposto, caso você queira realizar alguma mudança estrutural abrupta, sempre é importante buscar a orientação de uma pessoa acima, e as orientações advindas do poder central devem ser prontamente acatadas.


d:7 d:7 d:7
Resumiu muito bem o princípio da Subsidiariedade presente na constituição americana, a qual limita ao máximo o poder do Estado, ou seja, dá muito mais poder pros indivíduos decidirem o que fazer. Esse princípio é o que norteia as constituições dos países mais desenvolvidos, pena que não temos esse princípio em nossa constituição, por isso continuamos na pobreza e na mediocridade com esse Estado gigantesco escravizando todo mundo.
Avatar de usuário
Ex Tejotiano Roxo
Forista
Forista
 
Mensagens: 65
Data de registro: 10 Mai 2017 13:33
Localização: Fortaleza
Localidade: Ceará

Re: Cultura americana e sua influencia na Torre

Nova mensagempor Galileu em 08 Fev 2018 21:03

Sobre formação religiosa na epoca dos Pais Fundadores da America , li uma tese de um formando da Makenzi uma explica muito interessante sobre este tema .

Li na net. , não me lembro o site , talvez via google encontrem . Muito bom
Não se coloca um remendo novo em uma roupa velha-Jesus Cristo
Avatar de usuário
Galileu
Forista
Forista
 
Mensagens: 1814
Data de registro: 30 Mar 2016 11:47
Localidade: Não quero responder

Re: Cultura americana e sua influencia na Torre

Nova mensagempor Lísias em 08 Fev 2018 23:38

Siamese_Dreamer escreveu:A Torre de Vigia certamente possui influências de sua cultura, afinal todos nós temos. A própria ideia de interpretação Sola Scriptura foi exatamente difundida nos EUA, visto que dos estados modernos os EUA foi o primeiro país a levar realmente a sério o Estado Laico*, sendo bem diferente do estado da Suécia por exemplo, que até hoje está intimamente ligado à Igreja Luterana, ou da Grã-Bretanha, muito ligada à Igreja Anglicana, visto que os Pais Fundadores americanos temiam que a religiosidade específica do Estado levasse os EUA ao surgimento de uma monarquia, o que lutavam contra.

KOSTA escreveu:No fundo, o CG é um produto de seu próprio ambiente. Não tem nada de espiritual. É capitalismo religioso puro e duro levado ao extremo. Ainda por cima, é parasitário porque a Torre não consegue sobreviver sem estar em permanente simbiose com o "mundão" que tanto criticam.


A questão de a Torre de Vigia ser "capitalismo religioso puro e duro levado ao extremo", acho bem esquisita e contradizente. O capitalismo é simplesmente uma organização espontânea da sociedade onde a alocação de recursos pode ser feita com base na busca de quem queira lucrar provendo serviços a outras pessoas que volutariamente estejam dispostos a pagar por eles. Como em meu caso sou Testemunha de Jeová, honestamente não vejo uma vontade de lucro em cima de mim, no meu caso, se eu somar o que já contribuí em minha congregação de donativos e o que tenho acesso em termos de livros, os acessos que possuo através da estrutura de servidores mensalmente e manter desenvolvedores de software no Site JW e outras pessoas que são mantidas com o dinheiro dos donativos, a produção do Broadcasting, dentre outras coisas que faço uso no salão do reino e em outras esferas, com certeza estou em déficit levando em consideração o que dou e o que individualmente faço uso. Ainda assim, caso alguém se sinta “lucrado” em cima disso, os donativos são voluntários, então se alguém tem a sensação de estar sendo “lucrado”, é livre pra diminuir a quantidade de donativos e até extingui-la, portanto não considero a Torre De Vigia um “capitalismo religioso puro e duro levado ao extremo”, pelo contrário, vejo a socialização de recursos através do voluntarismo.


Acho que o que o colega Kosta disse é que a Torre é "capitalista" no sentido de explorar de todas as formas possíveis os membros da seita, principalmente financeiramente. Pois nada ai fica no nome de irmão nenhum, não é verdade? esse voluntariado que você faz e ainda se sente em débito, beneficia a quem? aos irmãos? em que sentido? quem realmente ganha com tudo isso? os que "trabalham voluntariamente" em Betel e ganham uma compensação ou ajuda financeira por isso, está correta? a Torre assina a carteira deles? se eles saírem de lá terão vaga no mercado de trabalho garantido? pois eu te digo que fiquei mais de 20 anos na Torre e NUMCA ela viu a cor do meu dinheiro. Me senti "lucrado' por ela quando ingenuamente TRABALHEI (fui otário) de graça pra ela quando saí no campo e passei revistas e livros pra ela. Cada centavo ganho ali é lucro pra ela, pois não paga salário para quem vende. A questão da despesa de produção de livros não vale como desculpa. Testemunhas de Jeová são vendedores de livros e funcionários gratuitos da Torre de Vigia. E tem muita gente ali que por ser ancião ou qualquer outro "cargo de responsabilidade", se acha a última bolacha do pacote.

Numca vi Testemunhas de Jeová gastar 1 tostão em benefício da comunidade local....pregar e vender livros não se constitui em voluntariado social. Tudo é sempre voltado para a seita e para, somente seus membros. E mesmo dentro da seita, somente os que fazem parte de "panelas" recebem as graças primeiro. Olho para trás e lamento ter perdido minha adolescência e parte da juventudo dentro da seita, trabalhando de graça para enriquecer o "corpo governante", o "escravo prudente". Por favor, essa conversa de que a "organização" é uma religião que visa beneficiar as pessoas que estão ali dentro, que tem um clima de espiritualidade, não convence. EU conheço profundamente esta empresa, e acho que é correto dizer que ali dentro é capitalismo selvagem mesmo, mas é somente para enriquecer os bolsos dos velhinhos da Torre. Pois é uma empresa que visa somente um lucro, com fachada de organização religiosa que teoricamente faz trabalho voluntário e educativo (aquele lance de estudo bíblico, pra disfarçar) mas que na prática é só uma forma de tentar parecer uma coisa legal, que dê um bom testemunho pra quem vê. Somos recrutados para sermos vendedores não remunerados da Torre, que nos paga com "privilégios de serviço" dentro da seita. Pois o que mais conta lá são as horas gastas no campo "voluntário". Sabe o que mais me dar vontade rir quando ia no Salão? ver que aquele povo todo acredita naquelas baboseiras toda de fim de mundo, povo verdadeiro, honestidade e etc.... é isso ai.

Porque elas não constroem hospitais, visitam doentes em hospitais, alimentam pessoas nas ruas, ou devolvem esse dinheirinho suado que elas ganham de graça dos "irmãos" em alguma coisa realmente importante? aquela desculpa de que o Reino irá resolver tudo isso é bem interessante, né? engana muita gente. Trabalhemos pra Torre agora, que no futuro Deus irá nos recompensar. Não adianta fazer nada físico, materialista pelas pessoas agora, pois o Reino se encarregará disso. Isso me soa bastante egoísta. Elas dizem que a maior obra social que se faz é pregar as "boas novas"....lógico que é, porque pregar as boas novas irá enriquecê-la. Uma seita que detesta Jesus, que vive por um deus que eles chamam de "Jeová", mas que só existe na cultura e bíbia delas, é hilário; não se pode em hipótese alguma leva-las a sério. São apenas pregadores de falsas profecias e vendedoras de livros.....voluntárias.
Lísias
Novo (a) Forista
Novo (a) Forista
 
Mensagens: 34
Data de registro: 21 Abr 2016 20:31
Localidade: Bahia

Re: Cultura americana e sua influencia na Torre

Nova mensagempor KOSTA em 09 Fev 2018 10:34

Lísias

Gostei muito de seu comentário.

Realmente a Torre não tem desculpa. É capitalismo religioso mesmo!

Neste fórum, noutras postagens, vários foristas deram nos a conhecer um facto muito importante:
- os russos eram muito mais felizes na época da extinta URSS! Com 18 anos tinham direito a casa, carro e trabalho superiori. Aqui em Portugal conheci inúmeros ucranianos, russos, moldavos, estonianos, etc... e TODOS me disseram ser mais felizes antes do capitalismo selvagem, mesmo tendo menos, eles sentiam a segurança do Estado.
Vi engenheiros e doutores ex soviéticos trabalhando como serventes em obras. Vi pessoas com mestrado sujeitando-se aos piores dos trabalhos.

Inclusive existe estatísticas sobre isso.

Outro ponto que toca vocês, brasileiros, é o seguinte:
- PORQUE raios o Brasil não é uma potência mundial?? A incompetência dos vossos políticos não explica tudo.
Sabem porquê? Porque não interessa aos americanos que vocês se ergam como grande nação que são! Já basta terem de lidar com a China, Japão e Europa.
Eles têm medo de vocês. Disso não tenho dúvidas. Aliás, vocês foram extremamente inteligentes em se prevenirem contra os preços(e suas variações) do petróleo utilizando combustíveis alternativos para vossos carros.
A grande arma da América é o petróleo. Dá-lhes jeito guerras no médio oriente para venderem armas e roubar o petróleo dos outros, inflacionando o preço dos combustíveis fósseis. Porém, aA Europa se defende com carros eléctricos, o Brasil (que é maior que a Europa) se defende com bio diesel. Tudo em nome da não dependência de petróleo.
NÃO TEMAS AQUELES QUE BUSCAM PELA VERDADE, MAS TEME ANTES OS QUE AFIRMAM TEREM A VERDADE
Avatar de usuário
KOSTA
Forista
Forista
 
Mensagens: 3211
Data de registro: 22 Set 2011 20:06
Localização: Portugal

Re: Cultura americana e sua influencia na Torre

Nova mensagempor Ex Tejotiano Roxo em 09 Fev 2018 11:28

KOSTA escreveu:Lísias

Gostei muito de seu comentário.

Realmente a Torre não tem desculpa. É capitalismo religioso mesmo!

Neste fórum, noutras postagens, vários foristas deram nos a conhecer um facto muito importante:
- os russos eram muito mais felizes na época da extinta URSS! Com 18 anos tinham direito a casa, carro e trabalho superiori. Aqui em Portugal conheci inúmeros ucranianos, russos, moldavos, estonianos, etc... e TODOS me disseram ser mais felizes antes do capitalismo selvagem, mesmo tendo menos, eles sentiam a segurança do Estado.
Vi engenheiros e doutores ex soviéticos trabalhando como serventes em obras. Vi pessoas com mestrado sujeitando-se aos piores dos trabalhos.

Inclusive existe estatísticas sobre isso.

Outro ponto que toca vocês, brasileiros, é o seguinte:
- PORQUE raios o Brasil não é uma potência mundial?? A incompetência dos vossos políticos não explica tudo.
Sabem porquê? Porque não interessa aos americanos que vocês se ergam como grande nação que são! Já basta terem de lidar com a China, Japão e Europa.
Eles têm medo de vocês. Disso não tenho dúvidas. Aliás, vocês foram extremamente inteligentes em se prevenirem contra os preços(e suas variações) do petróleo utilizando combustíveis alternativos para vossos carros.
A grande arma da América é o petróleo. Dá-lhes jeito guerras no médio oriente para venderem armas e roubar o petróleo dos outros, inflacionando o preço dos combustíveis fósseis. Porém, aA Europa se defende com carros eléctricos, o Brasil (que é maior que a Europa) se defende com bio diesel. Tudo em nome da não dependência de petróleo.


Se socialismo fosse tão bom assim não teria sido preciso um muro cortando Berlin pra impedir os moradores do leste passassem pro lado oeste capitalista, se fosse tão bom assim o regime de Kim Jong-Un não precisaria proibir e com pena capital alguém de tentar fugir daquele país maluco, se o socialismo fosse tão bom nenhum cubano arriscaria a própria vida tentando sair do "paraíso" para chegar até a Flórida.
Meu caro o que você fala sobre o Brasil não ser desenvolvido e rico hoje não tem nada a ver com os americanos, deixe suas teorias da conspiração de lado e olhe pra realidade, nosso quase vizinho Chile já pode ser considerado um país desenvolvido com um IDH até maior que o do seu país (Portugal) e uma renda per capita muito maior que os países vizinhos, tudo isso graças a décadas de livre mercado por lá, por acaso os americanos impediram os Chilenos de se desenvolverem? Enfim, o Brasil está do jeito que tá pq ao longo da história fez péssimas escolhas em relação a como conduzir a economia e como se organizar como nação. Então meu caro vc deveria se mudar pra um país socialista pra ver como é "ótimo" o Estado mandando em tudo, tenho certeza que você sentirá saudades da opressão torreana comparada a de um Estado totalitário.
Avatar de usuário
Ex Tejotiano Roxo
Forista
Forista
 
Mensagens: 65
Data de registro: 10 Mai 2017 13:33
Localização: Fortaleza
Localidade: Ceará

Re: Cultura americana e sua influencia na Torre

Nova mensagempor Saran em 09 Fev 2018 14:13

Vamos por partes:

Aqui está se discutindo uma dictomia Estado vs Inciativa Privada representada por instituições. ERRADO!!!

Se tratando de conjuntura administrativa e de poder, temos tanto o Estado PUBLICO e o Estado PRIVADO aqui representado pela Torre.

Outra coisa, porque se analisa se a torre é socialista ou capitalista, mas as outras religiões de cunho cristão, não? A Igreja Catolica possui um Estado, o Vaticano e nem por isso dizemos que a ICAR é socialista, embora setores da Igreja tenham se aliado com grupos de Esquerda (mas outros não, vide a participação da ICAR na Marcha da Familia antes do golpe civil-empresarial/militar de 1964), mas ai é bom lembrar-se de que a ICAR é progressista até certo ponto, mas é ela é conservadora o quanto ela puder.

O que dizer das igrejas protestantes historicas? Calvino era beeeem carola e era conhecido por por exemplo encarcerar mulheres pelo crime de .... dançar e depois prender pessoas que colavam cartazes que criticavam a decisão.
https://en.wikipedia.org/wiki/Jacques_Gruet
e nós sabemos que o adventismo - que influenciou Russel nos seus estudos biblicos - tem muuuita influencia do Calvinismo. E possui rede de televeisão, instituições de ensino superior e afins.

E ai é bom se perguntar : Em seu carater de poder, influencia sobre os fieis, relação com a sociedade e outrem , a RELIGIÃO tem um carater capitalista ou socialista? Eram os druidas os antecessores dos guerrilheiros naaxilitas na India? Era a religião sumeria um prenuncio da Escola de Chicago? Buda aplaudiria as teses de Abril de Lenin? Krishna rivalizaria com Schumpeter? Confuncio criticaria as reformas de Kosygin? Os astecas eram fisiocratas?

É bom tomar cuidado em analisar conjunturas de poder - principalmente religiosas - que não caberiam em dictomias politico-ideologicas
Saran
Forista
Forista
 
Mensagens: 199
Data de registro: 20 Nov 2015 18:48
Localidade: São Paulo

Re: Cultura americana e sua influencia na Torre

Nova mensagempor Galileu em 11 Fev 2018 07:54

Acho que politica e religião andam de mãos dadas !

Ex: as varias bancadas em nosso Congresso.

Muitas vezes dinheiro e poder são os catalizadores de ambos !

O bem estar social , esta longe de ser o objetivo dessas Instituições. Pode ate ser usado como disfarce , mas não é o real interesse
Não se coloca um remendo novo em uma roupa velha-Jesus Cristo
Avatar de usuário
Galileu
Forista
Forista
 
Mensagens: 1814
Data de registro: 30 Mar 2016 11:47
Localidade: Não quero responder

Re: Cultura americana e sua influencia na Torre

Nova mensagempor KOSTA em 11 Fev 2018 09:28

Ex Tejotiano Roxo escreveu:
KOSTA escreveu:Lísias

Gostei muito de seu comentário.

Realmente a Torre não tem desculpa. É capitalismo religioso mesmo!

Neste fórum, noutras postagens, vários foristas deram nos a conhecer um facto muito importante:
- os russos eram muito mais felizes na época da extinta URSS! Com 18 anos tinham direito a casa, carro e trabalho superiori. Aqui em Portugal conheci inúmeros ucranianos, russos, moldavos, estonianos, etc... e TODOS me disseram ser mais felizes antes do capitalismo selvagem, mesmo tendo menos, eles sentiam a segurança do Estado.
Vi engenheiros e doutores ex soviéticos trabalhando como serventes em obras. Vi pessoas com mestrado sujeitando-se aos piores dos trabalhos.

Inclusive existe estatísticas sobre isso.

Outro ponto que toca vocês, brasileiros, é o seguinte:
- PORQUE raios o Brasil não é uma potência mundial?? A incompetência dos vossos políticos não explica tudo.
Sabem porquê? Porque não interessa aos americanos que vocês se ergam como grande nação que são! Já basta terem de lidar com a China, Japão e Europa.
Eles têm medo de vocês. Disso não tenho dúvidas. Aliás, vocês foram extremamente inteligentes em se prevenirem contra os preços(e suas variações) do petróleo utilizando combustíveis alternativos para vossos carros.
A grande arma da América é o petróleo. Dá-lhes jeito guerras no médio oriente para venderem armas e roubar o petróleo dos outros, inflacionando o preço dos combustíveis fósseis. Porém, aA Europa se defende com carros eléctricos, o Brasil (que é maior que a Europa) se defende com bio diesel. Tudo em nome da não dependência de petróleo.


Se socialismo fosse tão bom assim não teria sido preciso um muro cortando Berlin pra impedir os moradores do leste passassem pro lado oeste capitalista, se fosse tão bom assim o regime de Kim Jong-Un não precisaria proibir e com pena capital alguém de tentar fugir daquele país maluco, se o socialismo fosse tão bom nenhum cubano arriscaria a própria vida tentando sair do "paraíso" para chegar até a Flórida.
Meu caro o que você fala sobre o Brasil não ser desenvolvido e rico hoje não tem nada a ver com os americanos, deixe suas teorias da conspiração de lado e olhe pra realidade, nosso quase vizinho Chile já pode ser considerado um país desenvolvido com um IDH até maior que o do seu país (Portugal) e uma renda per capita muito maior que os países vizinhos, tudo isso graças a décadas de livre mercado por lá, por acaso os americanos impediram os Chilenos de se desenvolverem? Enfim, o Brasil está do jeito que tá pq ao longo da história fez péssimas escolhas em relação a como conduzir a economia e como se organizar como nação. Então meu caro vc deveria se mudar pra um país socialista pra ver como é "ótimo" o Estado mandando em tudo, tenho certeza que você sentirá saudades da opressão torreana comparada a de um Estado totalitário.


Olá colega do fórum,

O que você escreveu é compreensível porque estamos num fórum de pessoas fortemente incentivadas a ver o mundo a preto e branco.
Em nenhum momento escrevi que os países socialistas eram melhores ou piores do que os capitalistas.
Para mim não há preto ou branco. Há simplesmente cinzento.Cada pessoa é um mundo, um universo em si mesma.
Aliás, a discussão proposta tem a ver com o fato REAL da Torre ser uma empresa americana, com seus defeitos e virtudes americanos. É bem tolerada no mundo ocidental devido a ser um canal de "aculturação".
Definição:
Aculturação é o conjunto das mudanças resultantes do contato, de dois ou mais grupos de indivíduos, representante de culturas diferentes, quando postos em contato direto e contínuo.

A aculturação é o resultado dos contatos, de natureza constante, que implicam geralmente na transmissão de certos elementos da cultura de uma sociedade para a outra.

A transmissão de elementos de uma cultura vai sempre precedida por uma relação, que implica na aceitação de alguns e na rejeição de outros elementos culturais.

A aculturação leva muitas vezes à desintegração de uma ou de várias culturas, sob a influência dos contatos que se estabelecem entre os seus integrantes.

É frequente a desintegração de uma ou várias culturas, sob a influência dos contatos que se estabelecem entre os grupos. Muito comum também é a mudança dos elementos adquiridos, ocorrendo uma desorganização social, o que pode envolver o desaparecimento, total ou parcial das configurações anteriores, como também a fusão de certos elementos numa nova configuração.

O termo assimilação é o que define todo o processo que diz respeito às mudanças na personalidade das pessoas envolvidas no processo de aculturação.
https://www.significados.com.br/aculturacao/

Obviamente uma religião minoritária e pequena como a Watchtower (embora eles queiram fazer crer o contrário em suas publicações) faz seu papel na Sociedade em transmitir hábitos puramente americanos e relacionados a ala Conservadora americana), como por exemplos impôr o tal "lanchinho" em congressos (brasileiro e portugues quando está feliz, em verdadeira confraternização entre irmãos gosta de comida a sério, não de "Lanchinhos", a puritana expulsão de membros (digna da época medieval), a caça às bruxas de que praticamente todos os foristas se queixam (policiamento), a brutalidade psicológica e pressão que leva a inúmeras doenças mentais, o emburrecimento (muito bem descrito pelo nosso querido forista galileu), a campanha feroz porém dissimulada contra pessoas que amam pessoas do mesmo sexo, as proibições "pagãs" quando eles no fundo ostentam anéis pagãos e imagens subliminares, inclusive um pénis na contra capa do cancioneiro (posteriormente mudada, se a capa não tivesse nada de mal eles não mudariam a mesma, não é verdade?)

Para mim o mundo, seja espiritual ou material (seja lá o que isso seja ou signifique) não é a preto e branco.

Extrema esquerda e extrema direita se tocam. São a mesma coisa. Repito: o mundo não se divide em dois. Até a estrada estreita que conduz à vida tem suas medidas e largueza porque um homem de 2metros passará mais difícilmente do que outro de 1,60cm.

Portanto a visão conforme nos fizeram crer do que é socialismo ou capitalismo é inútil.

Quanto ao meu Portugal, por favor, coloque o site de onde tirou essa informação. Desconheço completamente que o Chile tem indicadores económicos superiores. Seria um favor da sua parte indicar o site em questão.
Obrigada.
NÃO TEMAS AQUELES QUE BUSCAM PELA VERDADE, MAS TEME ANTES OS QUE AFIRMAM TEREM A VERDADE
Avatar de usuário
KOSTA
Forista
Forista
 
Mensagens: 3211
Data de registro: 22 Set 2011 20:06
Localização: Portugal

Re: Cultura americana e sua influencia na Torre

Nova mensagempor KOSTA em 11 Fev 2018 09:31

Saran escreveu:Vamos por partes:

Aqui está se discutindo uma dictomia Estado vs Inciativa Privada representada por instituições. ERRADO!!!

Se tratando de conjuntura administrativa e de poder, temos tanto o Estado PUBLICO e o Estado PRIVADO aqui representado pela Torre.

Outra coisa, porque se analisa se a torre é socialista ou capitalista, mas as outras religiões de cunho cristão, não? A Igreja Catolica possui um Estado, o Vaticano e nem por isso dizemos que a ICAR é socialista, embora setores da Igreja tenham se aliado com grupos de Esquerda (mas outros não, vide a participação da ICAR na Marcha da Familia antes do golpe civil-empresarial/militar de 1964), mas ai é bom lembrar-se de que a ICAR é progressista até certo ponto, mas é ela é conservadora o quanto ela puder.

O que dizer das igrejas protestantes historicas? Calvino era beeeem carola e era conhecido por por exemplo encarcerar mulheres pelo crime de .... dançar e depois prender pessoas que colavam cartazes que criticavam a decisão.
https://en.wikipedia.org/wiki/Jacques_Gruet
e nós sabemos que o adventismo - que influenciou Russel nos seus estudos biblicos - tem muuuita influencia do Calvinismo. E possui rede de televeisão, instituições de ensino superior e afins.

E ai é bom se perguntar : Em seu carater de poder, influencia sobre os fieis, relação com a sociedade e outrem , a RELIGIÃO tem um carater capitalista ou socialista? Eram os druidas os antecessores dos guerrilheiros naaxilitas na India? Era a religião sumeria um prenuncio da Escola de Chicago? Buda aplaudiria as teses de Abril de Lenin? Krishna rivalizaria com Schumpeter? Confuncio criticaria as reformas de Kosygin? Os astecas eram fisiocratas?

É bom tomar cuidado em analisar conjunturas de poder - principalmente religiosas - que não caberiam em dictomias politico-ideologicas


Engraçado, Saran,As publicações da Torre falam maravilhas de Calvino... mas omitem esse fato que tu relataste!
Quanto muito, em nome da honestidade intelectual, haveria nota de rodapé, não achas?
NÃO TEMAS AQUELES QUE BUSCAM PELA VERDADE, MAS TEME ANTES OS QUE AFIRMAM TEREM A VERDADE
Avatar de usuário
KOSTA
Forista
Forista
 
Mensagens: 3211
Data de registro: 22 Set 2011 20:06
Localização: Portugal

Re: Cultura americana e sua influencia na Torre

Nova mensagempor Residente Forasteiro em 12 Fev 2018 19:22

Faz tempo que não entro aqui no fórum, mas hoje decidi bisbilhotar o que anda acontecendo por aqui e me deparei com este tópico, li a matéria do link e devo dizer que compartilho da mesma opinião que o companheiro que fez esta postagem.

Eu me apercebi da semelhança que há entre a cultura americana e as Testemunhas de Jeová, quando estudei um pouco sobre a história dos EUA na faculdade. A maioria dos colonizadores americanos eram protestantes que chegaram à América do Norte crentes de que este território era a Terra Prometida deles que foi provida por Deus para livrar seu povo escolhido da perseguição religiosa na Inglaterra pelos católicos e pelos anglicanos.

Estes protestantes acreditavam que deveriam cuidar e cultivar esta Terra, porque era lá que eles deveriam morar, por isso a maior parte da colonização americana foi uma colonização de povoamento e não de exploração, como a que houve na América Latina. Essa consciência coletiva de que eles eram o povo escolhido de Deus, é o tempero fundamental do atual patriotismo norte-americano.

Conseguem enxergar a semelhança nos primórdios da cultura americana com as atuais Testemunhas de Jeová?
Avatar de usuário
Residente Forasteiro
Forista
Forista
 
Mensagens: 238
Data de registro: 08 Abr 2013 19:35
Localidade: Não quero responder

Re: Cultura americana e sua influencia na Torre

Nova mensagempor Galileu em 12 Fev 2018 22:08

Residente Forasteiro escreveu:Faz tempo que não entro aqui no fórum, mas hoje decidi bisbilhotar o que anda acontecendo por aqui e me deparei com este tópico, li a matéria do link e devo dizer que compartilho da mesma opinião que o companheiro que fez esta postagem.

Eu me apercebi da semelhança que há entre a cultura americana e as Testemunhas de Jeová, quando estudei um pouco sobre a história dos EUA na faculdade. A maioria dos colonizadores americanos eram protestantes que chegaram à América do Norte crentes de que este território era a Terra Prometida deles que foi provida por Deus para livrar seu povo escolhido da perseguição religiosa na Inglaterra pelos católicos e pelos anglicanos.

Estes protestantes acreditavam que deveriam cuidar e cultivar esta Terra, porque era lá que eles deveriam morar, por isso a maior parte da colonização americana foi uma colonização de povoamento e não de exploração, como a que houve na América Latina. Essa consciência coletiva de que eles eram o povo escolhido de Deus, é o tempero fundamental do atual patriotismo norte-americano.

Conseguem enxergar a semelhança nos primórdios da cultura americana com as atuais Testemunhas de Jeová?



Exato! d:4 d:4 d:4
Não se coloca um remendo novo em uma roupa velha-Jesus Cristo
Avatar de usuário
Galileu
Forista
Forista
 
Mensagens: 1814
Data de registro: 30 Mar 2016 11:47
Localidade: Não quero responder

Re: Cultura americana e sua influencia na Torre

Nova mensagempor Ex Tejotiano Roxo em 12 Fev 2018 23:16

KOSTA escreveu:
Olá colega do fórum,

O que você escreveu é compreensível porque estamos num fórum de pessoas fortemente incentivadas a ver o mundo a preto e branco.
Em nenhum momento escrevi que os países socialistas eram melhores ou piores do que os capitalistas.
Para mim não há preto ou branco. Há simplesmente cinzento.Cada pessoa é um mundo, um universo em si mesma.
Aliás, a discussão proposta tem a ver com o fato REAL da Torre ser uma empresa americana, com seus defeitos e virtudes americanos. É bem tolerada no mundo ocidental devido a ser um canal de "aculturação".
Definição:
Aculturação é o conjunto das mudanças resultantes do contato, de dois ou mais grupos de indivíduos, representante de culturas diferentes, quando postos em contato direto e contínuo.

A aculturação é o resultado dos contatos, de natureza constante, que implicam geralmente na transmissão de certos elementos da cultura de uma sociedade para a outra.

A transmissão de elementos de uma cultura vai sempre precedida por uma relação, que implica na aceitação de alguns e na rejeição de outros elementos culturais.

A aculturação leva muitas vezes à desintegração de uma ou de várias culturas, sob a influência dos contatos que se estabelecem entre os seus integrantes.

É frequente a desintegração de uma ou várias culturas, sob a influência dos contatos que se estabelecem entre os grupos. Muito comum também é a mudança dos elementos adquiridos, ocorrendo uma desorganização social, o que pode envolver o desaparecimento, total ou parcial das configurações anteriores, como também a fusão de certos elementos numa nova configuração.

O termo assimilação é o que define todo o processo que diz respeito às mudanças na personalidade das pessoas envolvidas no processo de aculturação.
https://www.significados.com.br/aculturacao/

Obviamente uma religião minoritária e pequena como a Watchtower (embora eles queiram fazer crer o contrário em suas publicações) faz seu papel na Sociedade em transmitir hábitos puramente americanos e relacionados a ala Conservadora americana), como por exemplos impôr o tal "lanchinho" em congressos (brasileiro e portugues quando está feliz, em verdadeira confraternização entre irmãos gosta de comida a sério, não de "Lanchinhos", a puritana expulsão de membros (digna da época medieval), a caça às bruxas de que praticamente todos os foristas se queixam (policiamento), a brutalidade psicológica e pressão que leva a inúmeras doenças mentais, o emburrecimento (muito bem descrito pelo nosso querido forista galileu), a campanha feroz porém dissimulada contra pessoas que amam pessoas do mesmo sexo, as proibições "pagãs" quando eles no fundo ostentam anéis pagãos e imagens subliminares, inclusive um pénis na contra capa do cancioneiro (posteriormente mudada, se a capa não tivesse nada de mal eles não mudariam a mesma, não é verdade?)

Para mim o mundo, seja espiritual ou material (seja lá o que isso seja ou signifique) não é a preto e branco.

Extrema esquerda e extrema direita se tocam. São a mesma coisa. Repito: o mundo não se divide em dois. Até a estrada estreita que conduz à vida tem suas medidas e largueza porque um homem de 2metros passará mais difícilmente do que outro de 1,60cm.

Portanto a visão conforme nos fizeram crer do que é socialismo ou capitalismo é inútil.

Quanto ao meu Portugal, por favor, coloque o site de onde tirou essa informação. Desconheço completamente que o Chile tem indicadores económicos superiores. Seria um favor da sua parte indicar o site em questão.
Obrigada.


"Extrema esquerda e extrema direita se tocam." Não tenha dúvidas! Ambos querem retirar a liberdade das pessoas, sou um dos que rejeita essa dicotomia de direita-esquerda (embora algumas vezes use), na maioria das vezes mais confunde as pessoas do que qualquer outra coisa pois a definição de quem faz parte de um dos lados muda ao longo tempo; vejo que tentar colocar todo mundo no quadradinho da esquerda e no da direita não funciona e não foi isso que tentei passar no meu texto.
Em relação a Torre, ela não consegue influenciar completamente nem os que estão dentro da seita, quanto mais os de fora (ainda bem).
Em relação ao dado que você pediu, o Índice de Desenvolvimento Humano que mede riqueza, alfabetização, educação, expectativa de vida, natalidade e outros fatores mostra que o Chile obteve uma pontuação de 0.847 (Muito Elevado), Portugal obteve a pontuação de 0.843 (Muito Elevado). Fonte: http://hdr.undp.org/sites/default/files/2016_human_development_report.pdf Página 212. A diferença não é abissal mas a cada ano o Chile aumenta sua pontuação e já ter passado alguns países europeus já é uma grande conquista para o povo Chileno!
Avatar de usuário
Ex Tejotiano Roxo
Forista
Forista
 
Mensagens: 65
Data de registro: 10 Mai 2017 13:33
Localização: Fortaleza
Localidade: Ceará

Anterior

Retornar para Publicações

Quem está online

Usuários vendo este fórum: Nenhum usuário registrado online e 10 visitantes