Qual será o futuro da pregação de casa em casa? : Crenças, Doutrinas e História - Page 2
Seja Bem-Vindo Testemunhas de Jeová - Ex Testemunhas de Jeová. Clique aqui e cadastre-se para participar


Qual será o futuro da pregação de casa em casa?

Debates e discussões acerca das crenças, doutrinas e a história das Testemunhas de Jeová.

Re: Qual será o futuro da pregação de casa em casa?

Nova mensagempor sabrepoderoso* em 14 Out 2017 23:08

Debora escreveu:O futuro já é o que acontece no presente: ninguém prega, apenas enrola. Será que alguém me contradiz ?



contradizer uma verdade ? não posso ! :D1
que a luz que há dentro de nós ilumine nosso caminho se as outras luzes se apagarem
sabrepoderoso*
Forista
Forista
 
Mensagens: 341
Data de registro: 04 Ago 2017 10:54
Localização: duque de caxias
Localidade: Rio de Janeiro

Re: Qual será o futuro da pregação de casa em casa?

Nova mensagempor Verdade Verdaeira em 15 Out 2017 09:35

Samurai Kazuo-San escreveu:... Estavam disfrutando da boa sombra de uma grande árvore. Pregar o "reino" mesmo, que nada! E no carrinho é pior, pois ficam até muito mais tempo sem falar com ninguém. As vezes outros TJs no campo se juntam e ficam todos no maior papo! Tá muito fácil cumprir as horas atualmente. Pelo jeito mudaram o significado de "pregação"...


Na minha localidade a uma disputa ferrenha para reservar o carrinho!! Saiu até discussão!! imagina que zelo que é fazer a pregação a quase socos e tapas!! a:1
Isso só mostra o quão abençoado é e como é fácil fazer as horas agora para a empresa JW!! "Entre você também nesta disputa abençoada!!! :1 :1 :1
Avatar de usuário
Verdade Verdaeira
Forista
Forista
 
Mensagens: 315
Data de registro: 12 Nov 2015 14:41
Localidade: São Paulo

Re: Qual será o futuro da pregação de casa em casa?

Nova mensagempor BrunoBernardes em 15 Out 2017 11:24

WT Rent a Car.

Proximo lançamento Carrinho Caixa de Donativos.

Se é pra Jah é pra já.

Quem sabe não lançam aquela mini igrejinha que tem um santinho dentro para passar de lar em lar.

De lar em lar vamo$ pegar ops pregar.
Quer viver? Sepulte toda a literatura, apague os jargões (visto que é um gancho psíquico), junte tudo, enterre e escreva na lápide: Aqui Jaz Sentinelas e Despertais! O passado é uma roupa que não nos serve mais. Hipócrita$ Programadore$ Linguí$tico$.
Avatar de usuário
BrunoBernardes
Forista
Forista
 
Mensagens: 2041
Data de registro: 29 Jul 2016 17:21
Localidade: Não quero responder

Re: Qual será o futuro da pregação de casa em casa?

Nova mensagempor Lehh em 15 Out 2017 11:37

BrunoBernardes escreveu:WT Rent a Car.

Proximo lançamento Carrinho Caixa de Donativos.

Se é pra Jah é pra já.

Quem sabe não lançam aquela mini igrejinha que tem um santinho dentro para passar de lar em lar.

De lar em lar vamo$ pegar ops pregar.


:1 :1
"Pensei o quanto desconfortável é ser trancado do lado de fora; e pensei o quanto é pior, talvez, ser trancado no lado de dentro"-
Virginia Woolf
Avatar de usuário
Lehh
Forista
Forista
 
Mensagens: 1200
Data de registro: 09 Fev 2017 14:03
Localidade: Não quero responder

Re: Qual será o futuro da pregação de casa em casa?

Nova mensagempor Aquiles de Troia em 15 Out 2017 18:46

Um dia, conversando com o ancião coordenador da minha congregação, que já serviu com superintendente de circuito por décadas, eu perguntei sobre isso. Perguntei se tinha chance de a “associação” mudar radicalmente o modo de pregação de casa em casa. Claro que não mencionei sobre como estava encarando a organização depois de tudo que descobri. Então ele afirmou de modo bem FIRME:
“NÃO! Esse serviço vai ser realizado até o fim.”

Daí ele comparou com os mórmons (Parece que as TJs gostam de se comparar aos mórmons): “Os únicos que fazem esse serviço de casa em casa somos nós e os mórmons. E parece que agora eles vão parar com esse serviço para usarem somente a internet. Então somente nós pregaremos de casa em casa, que é o modo que identifica os verdadeiros cristãos”. (Ué, mas não seria o ‘amor’ que identificaria os verdadeiros cristãos, e não uma modalidade de pregação? [ João 13:34, 35] ), pensei. Mas não quis me aprofundar neste assunto com ele. Pelo jeito não há chance que o CG acabe com a pregação de casa em casa.

A meu ver, como já mencionei em minha apresentação, a pregação pode ser feita de vários modos. O próprio Jesus utilizava diversas formas para falar com as pessoas sobre o Reino. Ele não disse que a modalidade ‘X’ ou ‘Y’ seria o padrão para seus seguidores. Até mesmo seus discípulos pregavam nas praças, nas feiras, até nas sinagogas. Portanto LIMITARa pregação há uma modalidade (o de casa em casa), além de dizer que esse é o método que identifica os verdadeiros cristãos, e ainda mais: obrigar os membros a encarar desse modo, criticando quem faz diferente, não somente é desleal ao modelo de cristo, como também impõe um fardo aos humildes e sinceros que pensam estar ouvindo os ‘representantes’ de Deus.

É fácil ver pelos números que o serviço de casa em casa não tem mais dado o resultado esperado pela torre. Isso se deve à própria prepotência da torre em não mudar isso. Muitas Tjs vão apenas para passear e tirar fotos. Isso acontece porque as pessoas no território já conhecem as TJs, já sabem seu histórico (salvo poucas exceções) e nem as atendem mais. O mais importante para as TJs (e isso eu posso afirmar com convicção pois estou lá e vejo muito isso) não é encontrar as pessoas, mas fazer horas e encher o relatório.

Em uma ocasião, estávamos indo, esse ancião coordenador e eu, a um certo grupo de serviço de campo. Esse grupo era conhecido por ter pouco apoio dos irmãos que moram alí. A média de apoio daquele grupo era entre 3 e 4 irmãos, e havia dias que não ia ninguém. Só quem dava apoio ali era esse ancião, a esposa dele e eu. Então ele disse:
“Sabe, eu e o corpo de anciãos, estamos pensando em extinguir esse grupo, porque não vem ninguém pro campo desse grupo. Tem pouco apoio aqui e vamos colocar esse dia que seria aqui em outro grupo que dão mais apoio, para ajudar os pioneiros”. Cara, eu fiquei besta :shock: com esse pensamento, eu não acreditei que a mentalidade era essa.

Então eu respondi:
“Mas irmão, o objetivo da pregação não seria para ajudar as pessoas a conhecer sobre Jeová, e não os pioneiros com suas horas? Como irão ficar as pessoas que moram nesse território, ficarão sem ouvir sobre a Bíblia? E os irmãos de outros grupos, também não têm a obrigação de vir para esse grupo e apoiar esse território? Então quer dizer que eles só saem de onde é mais perto para eles?”
Esse irmão, a quem respeito muito devido a idade e por ele ter servido como superintende de circuito por décadas, ficou sem palavras. Ele teve que concordar comigo. Parece que ele abriu a mente e deixou de pensar nas horas por um instante. Resultado: o dia de campo não foi tirado daquele grupo, mas continua sem apoio de irmãos dos outros grupos. O apoio ao campo está minguando. Mas eu reconheço que a culpa não é dele por pensar apenas nas horas, a culpa é do corpo governante que criou essa gana desesperada pelas horas, horas e mais horas. Por isso tenho pena das TJs. Fazem tudo pelas horas.

Minha sugestão seria reduzir a pregação de casa em casa à algumas épocas no ano. Por exemplo, visitaria as pessoas em suas casas 4 vezes ao ano ou menos, até cobrir o território, apenas para deixar revistas e oferecer estudos. Nos relatórios (que seriam entregues de 3 em 3 meses) continuaria relatando horas e publicações, mas não precisaria colocar o nomes do publicador. Seguindo assim o principio de Jesus em Mateus 6:3 e 4: “não deixe a sua mão esquerda saber o que a direita está fazendo, para que suas dádivas fiquem em segredo. Então o seu Pai, que observa em secreto, o recompensará”. Só isso já tiraria um peso e um fardo enormes entre as TJs e diminuiria os níveis de ansiedade e depressão daqueles que fazem de tudo pelas horas. As horas nada mais são do que um modo que a torre tem de controlar as TJs para que não saiam de seu meio. É o típico pensamento errôneo de que quem está com hora baixa é porque está fraco ou cometendo pecado.

É comum em cidades pequenas, moradores receberem visitas das TJs no minimo uma vez na semana, isso quando não visitam a mesma casa durante a semana e no fim de semana. Isso é um erro! Pois, isso não somente irrita os moradores o fato de toda semana uma TJ batendo na sua porta, como também faz com que as pessoas sintam repulsa às TJs. Isso pode ser comprado a uma esposa (ou marido) que fica 'no pé' do cônjuge querendo atenção. Se Insistir muito o resultado será o inverso. Quem muito insiste acaba afastando. E é isso o que acontecido com as pessoas em relação às TJs. Na modalidade de casa em casa poderia ser aplicado o principio bíblico direcionado aos casados, registrado em 1 Pedro 3:1, 2: “ [A esposa] Esteja sujeita ao seu marido, de modo que, se ele não for obediente à palavra, seja ganho sem palavras, por meio da conduta de sua esposa, por ter sido testemunha ocular de sua conduta casta junto com profundo respeito.”

Ou seja, o segredo não é com que intensidade se prega, mas como se prega. Ao invés de passar horas indo na casa das pessoas achando que estão fazendo bonito, seria mais sábio se concentrar em boas ações na comunidade, talvez ajudar os necessitados, os desabrigados (que não sejam TJs), ajudar casas de repousos, os órfãos (de verdade), os que passam fome (de alimento físico), os sem teto, ajudar os hospitais do câncer etc. Daí a comunidade talvez “fosse ganho sem palavras, por meio da conduta” e boas obras que as TJs demonstram ao próximo. Isso sim seria ajudar o próximo.

Mas sabem como é a torre, não aceita sugestão. Preferem afundar e desaparecer devido a sua própria arrogância do que aceitar uma sugestão.
Cuidado para não serem enganados, pois muitos virão em meu nome, dizendo: ‘Está próximo o tempo devido’. NÃO VÃO ATRÁS DELES." - Jesus Cristo (Lucas 21:8)
Avatar de usuário
Aquiles de Troia
Forista
Forista
 
Mensagens: 101
Data de registro: 23 Set 2017 17:14
Localização: Tróia
Localidade: Não quero responder

Re: Qual será o futuro da pregação de casa em casa?

Nova mensagempor BrunoBernardes em 15 Out 2017 19:15

Minha sugestão...

Quem acredita no cristianismo, na bíblia e isso lhe faz bem.

Destituam os lideres nem que para isso abandonem a religião.

Se acreditam em salvação, não vai ser o pertencer a um grupo que irá salvar a pele de ninguém.

Esta mais que provado que o passado documentado condena essa religião.

O que esperar de uma organização que nasceu do golpe de Rutherford?
Quer viver? Sepulte toda a literatura, apague os jargões (visto que é um gancho psíquico), junte tudo, enterre e escreva na lápide: Aqui Jaz Sentinelas e Despertais! O passado é uma roupa que não nos serve mais. Hipócrita$ Programadore$ Linguí$tico$.
Avatar de usuário
BrunoBernardes
Forista
Forista
 
Mensagens: 2041
Data de registro: 29 Jul 2016 17:21
Localidade: Não quero responder

Re: Qual será o futuro da pregação de casa em casa?

Nova mensagempor Aquiles de Troia em 15 Out 2017 19:32

BrunoBernardes escreveu:Minha sugestão...

Quem acredita no cristianismo, na bíblia e isso lhe faz bem.

Destituam os lideres nem que para isso abandonem a religião.

Se acreditam em salvação, não vai ser o pertencer a um grupo que irá salvar a pele de ninguém.

Esta mais que provado que o passado documentado condena essa religião.

O que esperar de uma organização que nasceu do golpe de Rutherford?



Concordo plenamente. Acredito que não somente TJs irão ser salvas. Mas fazer o que né, essa organização prefere desaparecer a aceitar essa verdade. E o golpe que Rutherford deu nos estudantes da Bíblia nem se fala.
Cuidado para não serem enganados, pois muitos virão em meu nome, dizendo: ‘Está próximo o tempo devido’. NÃO VÃO ATRÁS DELES." - Jesus Cristo (Lucas 21:8)
Avatar de usuário
Aquiles de Troia
Forista
Forista
 
Mensagens: 101
Data de registro: 23 Set 2017 17:14
Localização: Tróia
Localidade: Não quero responder

Re: Qual será o futuro da pregação de casa em casa?

Nova mensagempor lobo guará em 16 Out 2017 10:50

A pregação é a "moeda social" das TJs. Se um dia encontrarem outra forma de ascenderem socialmente dentro do grupo a pregação não será mais necessária e poderá acabar.

Talvez o CG já esteja pensando nisso, já que a pregação está cada vez mais mecanizada e independente das pessoas que pregam (com vídeos, palestras com roteiro, etc). Seria um primeiro passo pra migrar pra internet?
Freedom is the freedom to say that two plus two make four. If that is granted, all else follows.
Avatar de usuário
lobo guará
Forista
Forista
 
Mensagens: 335
Data de registro: 30 Abr 2017 13:26
Localidade: Não quero responder

Re: Qual será o futuro da pregação de casa em casa?

Nova mensagempor Apostalandia em 16 Out 2017 16:08

Aquiles de Troia escreveu:
Minha sugestão seria reduzir a pregação de casa em casa à algumas épocas no ano. Por exemplo, visitaria as pessoas em suas casas 4 vezes ao ano ou menos, até cobrir o território, apenas para deixar revistas e oferecer estudos. Nos relatórios (que seriam entregues de 3 em 3 meses) continuaria relatando horas e publicações, mas não precisaria colocar o nomes do publicador. Seguindo assim o principio de Jesus em Mateus 6:3 e 4: “não deixe a sua mão esquerda saber o que a direita está fazendo, para que suas dádivas fiquem em segredo. Então o seu Pai, que observa em secreto, o recompensará”. Só isso já tiraria um peso e um fardo enormes entre as TJs e diminuiria os níveis de ansiedade e depressão daqueles que fazem de tudo pelas horas. As horas nada mais são do que um modo que a torre tem de controlar as TJs para que não saiam de seu meio. É o típico pensamento errôneo de que quem está com hora baixa é porque está fraco ou cometendo pecado.
Ao invés de passar horas indo na casa das pessoas achando que estão fazendo bonito, seria mais sábio se concentrar em boas ações na comunidade, talvez ajudar os necessitados, os desabrigados (que não sejam TJs), ajudar casas de repousos, os órfãos (de verdade), os que passam fome (de alimento físico), os sem teto, ajudar os hospitais do câncer etc. Daí a comunidade talvez “fosse ganho sem palavras, por meio da conduta” e boas obras que as TJs demonstram ao próximo. Isso sim seria ajudar o próximo.

Mas sabem como é a torre, não aceita sugestão. Preferem afundar e desaparecer devido a sua própria arrogância do que aceitar uma sugestão.


Sábias palavras. Pessoas com esse tipo de mentalidade que deveriam gerir a organização. d:4
Avatar de usuário
Apostalandia
Forista
Forista
 
Mensagens: 141
Data de registro: 07 Set 2017 16:58
Localidade: Não quero responder

Re: Qual será o futuro da pregação de casa em casa?

Nova mensagempor Phoebe Buffay em 19 Out 2017 01:35

Depois que eu saí já me peguei pensando nisso também, porém não acho que vai vir ordem de cima mandando parar não. Pra mim, o principal motivo é justo o que o Estrangeiro falou:

Penso que a pregação serve mais para manter as ovelhas ocupados do q realmente encontrar os interessados.
O CG usa a pregação para que as ovelhas percam seu tempo ao invés de fazerem algo que talvez as desperte do transe que enfrentam por estarem dentro das garras da torre.


Isto é, manter o funcionamento da seita. Então reunião, pregar, estudos, etc é manter os membros ocupados com atividades de lá - muitas - de preferência que elas sejam em contato uns com os outros.

Um motivo que antes já foi o mais importante, mas não mais, é de fato angariar mais membros ops ~~ ajudar os sinceros interessados. Porque acho que mais pro começo havia real crescimento por esse meio. Coisa que já deixou de ser. Mas de toda forma ainda entra, menos mas entra. E como a mão de obra pra isso é de graça, vamo pôr umas metas pra atingir e o que vier é lucro, não é mesmo?
Mantem a manutenção da seita, gado ocupado e sepá ainda conseguir novos adeptos.

Junto disso tem também a questão da tal "marca registrada", eles gostam de pôr isso na check list de pontos-que-nos-tornam-a-única-religião-a-cumprir-tal-coisa-da-bíblia. Gostam também de fazer os membros se sentirem supostamente especiais, participando, fazendo acontecer diretamente uma atividade que é cumprimento de profecia e jamais se repetirá, que privilégio poder fazer parte de algo tão grandioso blablabla


A verdade é que se conta nos dedos aquelas pessoas que parecem ainda ter desejo de ajudar pessoas e tals, a graaaaaaande maioria só faz por obrigação, sem alegria nenhuma e torcendo muito pra que seja um dia de chuva kkkkk Se não fossem obrigados a ir, ou até menos, se não precisassem relatar horas, a realidade seria outra...
"Para saber quem controla sua vida descubra quem você não tem permissão para criticar." (Voltaire)
Avatar de usuário
Phoebe Buffay
Novo (a) Forista
Novo (a) Forista
 
Mensagens: 25
Data de registro: 15 Mai 2017 01:21
Localidade: Não quero responder

Re: Qual será o futuro da pregação de casa em casa?

Nova mensagempor Aquiles de Troia em 19 Out 2017 02:20

Apostalandia escreveu:
Aquiles de Troia escreveu:
Minha sugestão seria reduzir a pregação de casa em casa à algumas épocas no ano. Por exemplo, visitaria as pessoas em suas casas 4 vezes ao ano ou menos, até cobrir o território, apenas para deixar revistas e oferecer estudos. Nos relatórios (que seriam entregues de 3 em 3 meses) continuaria relatando horas e publicações, mas não precisaria colocar o nomes do publicador. Seguindo assim o principio de Jesus em Mateus 6:3 e 4: “não deixe a sua mão esquerda saber o que a direita está fazendo, para que suas dádivas fiquem em segredo. Então o seu Pai, que observa em secreto, o recompensará”. Só isso já tiraria um peso e um fardo enormes entre as TJs e diminuiria os níveis de ansiedade e depressão daqueles que fazem de tudo pelas horas. As horas nada mais são do que um modo que a torre tem de controlar as TJs para que não saiam de seu meio. É o típico pensamento errôneo de que quem está com hora baixa é porque está fraco ou cometendo pecado.
Ao invés de passar horas indo na casa das pessoas achando que estão fazendo bonito, seria mais sábio se concentrar em boas ações na comunidade, talvez ajudar os necessitados, os desabrigados (que não sejam TJs), ajudar casas de repousos, os órfãos (de verdade), os que passam fome (de alimento físico), os sem teto, ajudar os hospitais do câncer etc. Daí a comunidade talvez “fosse ganho sem palavras, por meio da conduta” e boas obras que as TJs demonstram ao próximo. Isso sim seria ajudar o próximo.

Mas sabem como é a torre, não aceita sugestão. Preferem afundar e desaparecer devido a sua própria arrogância do que aceitar uma sugestão.


Sábias palavras. Pessoas com esse tipo de mentalidade que deveriam gerir a organização. d:4


:D1 amigo quando vemos as coisas por outro ângulo (o de fora) percebemos como as coisas são falhas e prejudiciais. E notamos realmente qual seria o melhor modo de fazer as coisas. Mas quem ta dentro (vendo de dentro) não percebe a escuridão que estão. E pior, não admitem fazer mudanças.

Abraço!
Cuidado para não serem enganados, pois muitos virão em meu nome, dizendo: ‘Está próximo o tempo devido’. NÃO VÃO ATRÁS DELES." - Jesus Cristo (Lucas 21:8)
Avatar de usuário
Aquiles de Troia
Forista
Forista
 
Mensagens: 101
Data de registro: 23 Set 2017 17:14
Localização: Tróia
Localidade: Não quero responder

Re: Qual será o futuro da pregação de casa em casa?

Nova mensagempor Sergipano em 19 Out 2017 06:17

d:9 O C.G. puxou o freio de mao do CARRO CELESTIAL DE JEOVA.
:D3
Sergipano
Novo (a) Forista
Novo (a) Forista
 
Mensagens: 10
Data de registro: 14 Jul 2017 23:18
Localidade: Sergipe

Re: Qual será o futuro da pregação de casa em casa?

Nova mensagempor Dr. Schultz em 19 Out 2017 07:03

Aquiles de Troia, não tenho esperança alguma de solução para essa seita, como todos sabem aqui no fórum. Mas devo dizer que seus ideais, suas propostas são muito bonitas e inspiradoras.

Acredito que meditar nessas propostas e desenvolver essas ideias levam tempo e lá se vão alguns preciosos neurônios. Por isso, se aceita uma sugestão de um desconhecido como eu, gaste sua criatividade e seus pensamentos puros e sinceros em outros projetos, não com essa religião. Pois como vc mesmo disse, eles não aceitam sugestão.

E olhando do ponto de vista corporativo, suas sugestões são impossíveis de se implantar com efetividade, elas são utópicas. Essa é a visão da ORG, corporativa.

Pregação de casa em casa é marketing, como o ancião lhe disse, identifica as TJ. Eles vão levar isso até o máximo que puderem. Isso não vai mudar tão cedo, na minha opinião.
Avatar de usuário
Dr. Schultz
Moderador
Moderador
 
Mensagens: 782
Data de registro: 05 Fev 2016 08:54
Localidade: Não quero responder

Re: Qual será o futuro da pregação de casa em casa?

Nova mensagempor Galileu em 19 Out 2017 11:02

Dr. Schultz escreveu:Aquiles de Troia, não tenho esperança alguma de solução para essa seita, como todos sabem aqui no fórum. Mas devo dizer que seus ideais, suas propostas são muito bonitas e inspiradoras.

Acredito que meditar nessas propostas e desenvolver essas ideias levam tempo e lá se vão alguns preciosos neurônios. Por isso, se aceita uma sugestão de um desconhecido como eu, gaste sua criatividade e seus pensamentos puros e sinceros em outros projetos, não com essa religião. Pois como vc mesmo disse, eles não aceitam sugestão.

E olhando do ponto de vista corporativo, suas sugestões são impossíveis de se implantar com efetividade, elas são utópicas. Essa é a visão da ORG, corporativa.

Pregação de casa em casa é marketing, como o ancião lhe disse, identifica as TJ. Eles vão levar isso até o máximo que puderem. Isso não vai mudar tão cedo, na minha opinião.

d:7 d:7

Esta é uma empresa , e a materia prima que usa é a carencia de milhoes em ter um significado em suas vidas.

A necessidade espiritual mencionada por Jesus , nunca foi tão comercialmente explorada pelas Seitas e Religioes como atualmente.

São mega negocios que geram bilhões em receitas ! Cristianismo ocidentalizado !
Não se coloca um remendo novo em uma roupa velha-Jesus Cristo
Avatar de usuário
Galileu
Forista
Forista
 
Mensagens: 1677
Data de registro: 30 Mar 2016 11:47
Localidade: Não quero responder

Re: Qual será o futuro da pregação de casa em casa?

Nova mensagempor Verdade Verdaeira em 20 Out 2017 10:13

"O importante é Pregar!!" eis a lavagem cerebral!! :?: Mas o quê seria pregar, e sobre o quê? quem é realmente o escravo fiel e prudente? -

:2 Não interessa! o importante é pregar!!
Tudo o que estão ensinando ao gado é pregar e como preencher um relatório!! como acessar o "alimento espiritual do site" e como mostrar videos pra quem nem está aí pra esta seita"
Aí vc pergunta : quem é realmente o escravo fiel e prudente? aí eles te ensinam que o único escravo fiel e prudente são aqueles velhinhos dos EUA da sede . E te ensinam que vc é... deixa eu ver.. bom vc é realmente escravo né? mas o prudente mesmo é só os velhotes de la dos EUAs :mrgreen:
Avatar de usuário
Verdade Verdaeira
Forista
Forista
 
Mensagens: 315
Data de registro: 12 Nov 2015 14:41
Localidade: São Paulo

AnteriorPróximo

Retornar para Crenças, Doutrinas e História

Quem está online

Usuários vendo este fórum: Yahoo [Bot] e 16 visitantes