Contradições bíblicas : Crenças, Doutrinas e História
Seja Bem-Vindo Testemunhas de Jeová - Ex Testemunhas de Jeová. Clique aqui e cadastre-se para participar


Contradições bíblicas

Debates e discussões acerca das crenças, doutrinas e a história das Testemunhas de Jeová.

Contradições bíblicas

Nova mensagempor Nanda Lima em 11 Mai 2009 09:19

Do site ateusdobrasil.com.br.
Analisem. Comentem.

Contradições Bíblicas
terça-feira, 17 de junho de 2008 por Fernando Silva
Falsus in uno, falsus in omnibus

Ancestrais de Jesus
Lucas e Mateus listam os ancestrais de Jesus para provar que ele era da família de David, e assim tinha direito ao trono de Israel. A lista de Lucas (3:23-38) vai até Adão (!!) enquanto a de Mateus (1:1-16) só até Abraão.

As duas listas são diferentes. Já se contradizem até quanto ao avô de Jesus (Heli x Jacó). Claro que isto não tem nenhuma importância, pois José não é o pai de Jesus, já que José não “compareceu”. A genealogia de Lucas (3:35-36) também diverge do Gênesis (11:12).

O bom ladrão
Lucas (23:42-43) fala que um dos ladrões se arrependeu. Marcos (15:32) diz que os dois o insultavam.

Conversão de Paulo
Em Atos (9:7) os acompanhantes ouviram a voz mas não viram nada. Em Atos (22:9), eles viram a luz mas não ouviram nada.

Violência
Em alguns trechos, Jesus prega a paz, “dar a outra face” etc. Em Lucas 22:36-38, ele manda que vendam o que for preciso e comprem espadas. Em Mateus 10:34-35 ele diz que não veio trazer a paz mas a espada. E o que fazia Pedro, um simples pescador, com uma espada? E por que foi preciso enviar uma tropa de romanos para prender Jesus, se ele era um pacífico profeta rezando com alguns seguidores?

Judas se enforcou?
Sim, de acordo com Mateus 27:5. Segundo Atos 1:18, ele comprou um campo (ele, não os sacerdotes) mas caiu, se partiu no meio e suas entranhas se espalharam. Mas ele foi salvo, segundo Mateus 19:28, e estará sentado em um dos 12 tronos, presidindo a uma das 12 tribos de Israel, junto aos demais apóstolos.

Subida aos céus
Segundo Atos 1:3, Jesus ficou 40 dias na Terra depois de ressuscitar. Segundo Lucas 24:1-52, no mesmo dia em que ressuscitou, Jesus apareceu a 2 discípulos, depois aos apóstolos em Jerusalém e então subiu aos céus.

Quem matou Golias?
Segundo 1 Samuel 17:50 foi David. Segundo 2 Samuel 21:19 foi Adeodato (ou Elanan, em outra bíblia).

Censo
Em 1 Crônicas 21:1, o diabo manda que David faça um censo do povo de Israel. Em 2 Samuel 24:1, é Deus quem manda.

Negando Jesus
Pedro negou Jesus para duas criadas e um grupo de pessoas (Mateus 26:69-74), ou duas vezes para a mesma criada e um grupo de pessoas (Marcos 14:66-71), ou uma criada e dois homens (Lucas 22:54-60) ou para uma criada, algumas pessoas e um servo do Sumo Sacerdote (João 18:25-27).

Hora da Crucificação
A que horas Jesus foi crucificado? Segundo Marcos 15:25, às nove da manhã. Segundo João 19:14-16, depois do meio-dia.

A figueira que secou
Em Mateus 21:19, Jesus faz uma figueira secar na mesma hora. Em Marcos 11:14-21, ela só seca mais tarde.

Quem carregou a cruz?
Segundo Marcos 15:20-24, Simão Cireneu. Segundo João 19:16-18, Jesus a carregou sozinho. Aliás, segundo textos que não foram incluídos na Bíblia, foi Simão Cireneu que morreu na cruz, enquanto Jesus olhava de longe. Os islamitas também acreditam nisto (Surata 4, versículo 157 do Alcorão).

Jesus prometeu que alguns dos que o ouviam ainda estariam vivos quando ele voltasse, para dar a cada um segundo suas obras (Mateus 16:28, Marcos 08:38 e 09:01 e Lucas 09:26). Alguns crentes falam em um “retorno pessoal”, ou seja, Jesus volta para cada um que tem fé, cada um a seu tempo, mas, em Apocalipse 01:07, vemos que o retorno é para todos: “Eis que vem com as nuvens, e todo olho o verá”.

Mentira
Deus não mente, segundo Números 23:19 e Hebreus 06:18. Deus mente e faz mentir, segundo Tessalonicenses 02:11 e 1 Reis 22:23

Testemunho
Se Jesus dá testemunho de si mesmo seu testemunho é verdadeiro (João 08:14). Ou falso, segundo João 05:31. E ele invoca o Pai como testemunha válida, o que é um contra-senso, já que, antes de mais nada, ele teria que provar que era o Filho e que o Pai apareceria diante deles se convocado.

Túmulo de Jesus
O túmulo de Jesus estava aberto (segundo Lucas 24:02) quando chegaram as mulheres (segundo Mateus 28:01, Marcos 16:01 e Lucas 24:10 que, aliás, citam mulheres diferentes, ou apenas Maria Madalena (João 20:01). Estava fechado, segundo Mateus 08:01-02. E viram um jovem ou dois jovens ou um anjo ou dois anjos, que estavam dentro ou fora do túmulo, em pé ou sentados. Havia mais de um guarda (Mateus 28:04). Em João 20, Maria Madalena só viu os anjos (e soube da ressurreição) quando voltou com os discípulos. Nos outros evangelhos o(s) anjo(s) já estavam lá na primeira visita.

Maria Madalena
Maria Madalena reconheceu Jesus quando o encontrou pela primeira vez (Mateus 28:09). Não reconheceu (João 20:14)

Aparição
Jesus apareceu pela primeira vez aos discípulos numa montanha da Galiléia, que dista entre 100km e 160km de Jerusalém (Mateus 28:16-17). A dois deles, no campo, e a onze, quando comiam (Marcos 16:12-14). Aos discípulos, à noite (João 20:19)

Ascenção
Jesus estava em Betânia quando se elevou aos céus (Lucas 24:50-51). No Monte das Oliveiras (Atos 01-09-12). Mateus e João não julgaram o fato importante o bastante para ser mencionado.

Apareceu para quem?
Jesus apareceu primeiro a Maria Madalena (Marcos 16:09 e João 20:14). Maria Madalena e outra Maria (Mateus 28:09).

Contou para quem?
A(s) mulher(es) conta(m) primeiro a Pedro e a outro discípulo (João 20:02). A ninguém (Marcos 16:08). Aos onze e aos outros (Lucas 24:09).

Julgamento
Jesus não veio a este mundo para julgá-lo (João 12:47). Veio (João 09:39).

Arrependimento
Deus não se arrepende (Números 23:19 e 1 Samuel 15:29). Deus se arrepende (Jonas 03:10, 1 Samuel 15:11, Êxodo 32:14, Salmos 42:10, Gênesis 06:06, 1 Samuel 15:35).

Face de Deus
Ninguém jamais viu a face de Deus (João 01:18, 06:46 e 04:12). Muitos viram (Gênesis 32:30, Êxodo 24:09-10 e 33:11, Números 14:14, Jó 42:05, Deuteronômio 05:04 e 34:10, Salmos 63:02, Isaías 06:01-05, Amós 07:07-08 e Ezequiel 20:35)

Grosseria
Jesus nunca mentiu ou foi grosseiro (1 Pedro 02:22 e Isaías 53:09). Chamou a uma mulher e sua filha cachorrinhas (Mateus 15:26). Destruiu uma figueira porque não tinha frutos (fora de época) (Mateus 21:19). Mentiu aos discípulos (João 07:08-10). Condenou quem chamasse aos outros louco (Mateus 05:22) mas ele próprio usou esta palavra (Mateus 23:17-19 e Lucas 11:40). Disse que nenhum homem jamais subiu aos céus exceto aquele que veio dos céus e que lá está, o Filho do homem (João 03:13). Mas Elias foi levado aos céus numa carruagem de fogo (2 Reis 02:11). E se Jesus estava na terra e o Filho do homem nos céus, eles não são a mesma pessoa.

Nazareno
Os profetas teriam dito que Jesus seria chamado o Nazareno (Mateus 02:23). Esta profecia não existe no Antigo Testamento. A cidade de Nazaré também só veio a existir séculos mais tarde. Os nazarenos eram uma seita e, junto com ebionitas e essênios, foram extintos pelos paulinistas, a quem hoje chamamos cristãos.

Ira Divina
A ira de Deus é eterna (Jeremias 17:04). Não é (Jeremias 03:12).

Necromancia
Em Levítico 20:27 proíbe-se o contacto com os espíritos ( “O homem ou mulher que pratica a necromancia ou adivinhação, é réu de morte. Será apedrejado, e o seu sangue cairá sobre eles”). Mas em 1 Samuel 28:05-28, o rei Saul consulta uma necromante, que lhe faz aparecer o falecido profeta Samuel.

Os 10 Mandamentos
Os mandamentos das primeiras tábuas da Lei, que Moisés quebrou (Êxodo 20), são diferentes dos das novas tábuas (Êxodo 34). E os 10 mandamentos da Igreja Católica são uma seleção das duas versões, sendo que, até a primeira metade do século XX, o sexto mandamento era “Não cometerás adultério” e não “Não pecarás contra a castidade”. Na verdade, não são 10 os mandamentos, são centenas, indo de preceitos religiosos a detalhes sobre vestimentas, rituais e culinária.

Nabucodonosor
Em Ezequiel 26 se profetiza que a cidade de Tiro será completamente destruída por Nabucodonosor, coberta pelo mar e nunca mais será reconstruída ou encontrada. Em Ezequiel 29:18, entretanto, ele admite que Nabucodonosor fracassou. Na verdade, Nabucodonosor conquistou os arredores de Tiro mas não a ilha, sua parte central. Tiro foi finalmente conquistada por Alexandre o Grande mas não desapareceu. Foi reconstruída e existe até hoje.

O mar não a cobriu, pelo contrário, hoje a ilha está ligada ao continente. Em Ezequiel 30 se profetiza que, em recompensa pelo esforço (inútil) com Tiro, o Egito seria dado a Nabucodonosor, que o destruiria. Isto também não ocorreu.

Nota: crentes tomam as passagens da Bíblia ao pé da letra quando lhes convém e no sentido figurado, no caso contrário. Um ótimo exemplo é esta “explicação”: “Tiro não foi destruída materialmente mas deixou de existir espiritualmente por ter se prostituído”. Muito convincente — para um crente que abdicou da razão.

Fuga para o Egito
Mateus 02: 13-23 diz que Jesus foi levado para o Egito para não ser morto por Herodes e, depois da morte deste, por medo de seu sucessor, foi viver em Nazaré, na Galiléia. Lucas 02:21-22 diz que foram diretamente a Jerusalém assim que terminaram os 40 dias do resguardo de Maria, sem mencionar Herodes e a fuga, e só então foram para Nazaré.

Nascimento
Segundo Mateus, Jesus nasceu quando Herodes ainda vivia. Segundo Lucas, quando Cirênio (Quirino) era governador da Síria, mas sua nomeação só ocorreu 10 anos depois da morte de Herodes.

Família
Mateus 19:19 diz “Honra teu pai e tua mãe”. Mateus 19:29 diz “Quem deixar seu pai e sua mãe terá a vida eterna”.

Santíssima Trindade
Jesus é igual ao pai (João 10:30). É inferior (João 14:28). Não conhece os segredos do pai (Marcos 13:32). Aliás, como fica o dogma da Santíssima Trindade, depois disto?

Assírios
Miquéias 05:02-15 diz que os assírios conquistariam Judá e que o Messias mais tarde a libertaria, submetendo o resto do mundo aos hebreus, mas os assírios nunca entraram em Judá e já não mais existiam na época em que Jesus supostamente viveu. De qualquer modo, Jesus não libertou os judeus, pelo contrário, eles foram derrotados e espalhados pelo mundo.

Bebida
Deram vinagre a Jesus (João 19:29-30), vinho com fel (Mateus 27:34) ou vinho com mirra (Marcos 15:23). Jesus bebeu; provou e não bebeu; recusou.

Eu vô! Num vô!
Javé disse a Balaão que não fosse com os chefes de Moab (Números 22:12). Logo em seguida, mudou de idéia (Números 22:20) e o mandou partir. Entretanto, quando Balaão partiu, ficou furioso (22:22).

Holocausto
Javé mandou sacrificar animais em holocausto (Êxodo 29:16-18). Nunca deu esta ordem (Jeremias 07:21-23).
"Somos os filhos da revolução
Somos burgueses sem religião
Nós somos o futuro da nação
Geração Coca-Cola." - Legião Urbana
Avatar de usuário
Nanda Lima
Forista
Forista
 
Mensagens: 2500
Data de registro: 08 Abr 2009 15:01
Localização: ZOO STATION - BERLIN

Re: Contradições bíblicas

Nova mensagempor Nanda Lima em 11 Mai 2009 09:40

Êita livro cheio de contradição, sô. Parece até as publicações da Torre! :mrgreen:
"Somos os filhos da revolução
Somos burgueses sem religião
Nós somos o futuro da nação
Geração Coca-Cola." - Legião Urbana
Avatar de usuário
Nanda Lima
Forista
Forista
 
Mensagens: 2500
Data de registro: 08 Abr 2009 15:01
Localização: ZOO STATION - BERLIN

Re: Contradições bíblicas

Nova mensagempor Nanda Lima em 11 Mai 2009 17:56

Comentem, uai!!! :mrgreen:
"Somos os filhos da revolução
Somos burgueses sem religião
Nós somos o futuro da nação
Geração Coca-Cola." - Legião Urbana
Avatar de usuário
Nanda Lima
Forista
Forista
 
Mensagens: 2500
Data de registro: 08 Abr 2009 15:01
Localização: ZOO STATION - BERLIN

Re: Contradições bíblicas

Nova mensagempor Pássaro em 11 Mai 2009 18:21

As contradições da biblia são sempre refutadas por quem tem fé nela, de uma forma meio que dúbia, mas quer acrditem ou não na bíblia, por ser uma coletanea compilada na forma que conhecemos, muito tempo depois do ultimo escrito, buscamos um ponto coerente e muitas vezes não encontramos! a realidade é que estamos sempre em busca de uma crença!
O barco da torre tá afundando?
Avatar de usuário
Pássaro
Forista
Forista
 
Mensagens: 10600
Data de registro: 01 Nov 2008 07:45
Localização: bahia

Re: Contradições bíblicas

Nova mensagempor Brother A em 11 Mai 2009 22:01


Que tal uma pequena demonstração de inesperadas evidências aqueológicas? Aliás, quando a chamada Alta Crítica estava no auge, desfazendo ao máximo o conteúdo bíblico, pois os originais mais novos que existiam eram da Idade Média (escritos de 1.100 AD), um beduíno palestino descobriu por acaso os famosos rolos do Mar Morto que calou muito da crítica, pois confirou-se a antiguidade daqueles escritos. Os referidos rolos recuou 1.000 anos a data de material bíblico, e as discrepâncias de textos que se imaginava serem muitas, revelaram-se bem poucas, e irrelevantes.

Agora, estamos numa época em que os ateus e descrentes parecem num "auge" de seus ataques às Escrituras. Quem sabe, logo mais algo espetacular vem à tona novamente, como descobertas recentes e não muito divulgadas por razões nada nobres (o autor das descobertas é um arqueólogo amador, daí o "sistema" científico não lhe dá crédito. . .).

Bem, mas primeiro, vejamos uma passagem bíblica que traz algo que talvez nunca chamou a atenção de vocês?

    Gálatas 4:25: Ora, esta Agar é Sinai, um monte da Arábia, que corresponde à Jerusalém que agora existe, pois é escrava com seus filhos.
O que é isso? Basta conferir em qualquer desses mapas que aparecem ao final de certas Bíblias e se sabe que o Monte Sinai fica no território anexo ao Egito. . . A Arábia está bem mais ao leste.

Pois é, vejam este vídeo, que é legendado em português:



Brother A
Forista
Forista
 
Mensagens: 407
Data de registro: 16 Dez 2008 12:54

Re: Contradições bíblicas

Nova mensagempor Brother A em 11 Mai 2009 22:07


Não vou demorar-me em refutar cada uma das supostas contradições bíblicas (tudo isso já foi amplamente tratado) mas citarei apenas um exemplo, para verem como os descrentes, cuja motivação nem sempre é das mais elevadas (fugir à responsabilidade moral de certas restrições "inconvenientes" para a vida das pessoas), o caso de Paulo e seus companheiros que num lugar dizem que ouviram o som, noutro que não ouviram é facílimo de se explicar, bastante um pequeno conhecimento das línguas bíblicas originais. Num caso o verbo grego é no sentido de "ouvir", noutro de "escutar". Ora, qualquer pessoa "ouve" sons, mas nem sempre "escutam", no sentido de captar o sentido do som.

Então, isso explica claramente o que o autor bíblico quis dizer. Os que acompanhavam Paulo ouviram o som, mas não discerniram o que o som da voz dizia. . .

Assim, também há muitas outras distorções semelhantes nas supostas contradições. . .

Brother A
Forista
Forista
 
Mensagens: 407
Data de registro: 16 Dez 2008 12:54

Re: Contradições bíblicas

Nova mensagempor juraci em 11 Mai 2009 23:43

existem boas provas a favor da biblia como contra ela tb.nem só da biblia depende a fé
Avatar de usuário
juraci
Forista
Forista
 
Mensagens: 132
Data de registro: 18 Dez 2008 17:53

Re: Contradições bíblicas

Nova mensagempor carlos daniel em 23 Mai 2009 08:06

oi irmã!!

Existem contradições sim !!!

Você nunca assistiu ou leu a mesma notícia em jornais diferentes??? E isso acontece quando eles escrevem no mesmo dia, e local.

Saiba que os 4 evangélios foram escritos em lugares e tempos distantes e depois ainda foram traduzidos!!!

Se fosse tudo igual não existiria 4 evangélios !!

Você pegou textos isolados e não todo contexto e se eu quisesse fazer isto "por maldade" te apontaria mais umas 300 contradições.

Eu era um jovem católico quando comeceia a ler a bíblia em casa por livre e espontânea vontade, até por que os católicos não costumam ler a bíblia. Ali encontrei coisas que não pareciam ser de origem de um povo nômade e longe da ciência e sim de uma inteligência superior a tudo.

*Não faz muito tempo que a ciência aceitou que a terra é redonda , mas a bíblia já tinha esta verdade a mais de 2300 anos.(isaias 40:22)Ele é o que está assentado sobre o círculo da terra, cujos moradores são para ele como gafanhotos; é ele o que estende os céus como cortina, e os desenrola como tenda, para neles habitar;

*Existim informações sobre reinos passados que só constavam na bíblia e hoje são aceitos pela ciência depois serem encontrados em escavaçôes. Você não acha engraçado a bíblia inventar um nome estranho (Nabucodonossor) e depois que todos(ciência) diziam ser apenas uma lenda este nome é reconhecido e realmente pertence a pessoa citada na bíblia???

*Pouco antes de se entregar Jesus falou qual seria o futuro de Israel e essa informação ainda está de pé depois de passados mais de 2000 anos!!!! Voce deve acreditar que ele deu o maior chute da humanidade não é????

De qualquer forma gostei de todas as contradições citadas e confesso que algumas tinham me passado despercebidas!!
Um grande abraço!!!
Editado pela última vez por carlos daniel em 25 Mai 2009 23:26, num total de 1 vezes
"A sabedoria do homem só termina onde começa a de Deus"
carlos daniel
Forista
Forista
 
Mensagens: 242
Data de registro: 18 Mai 2009 22:39
Localização: Blumenau-SC

Re: Contradições bíblicas

Nova mensagempor RX em 23 Mai 2009 11:36

Brother A escreveu:
Não vou demorar-me em refutar cada uma das supostas contradições bíblicas (tudo isso já foi amplamente tratado) mas citarei apenas um exemplo, para verem como os descrentes, cuja motivação nem sempre é das mais elevadas (fugir à responsabilidade moral de certas restrições "inconvenientes" para a vida das pessoas), o caso de Paulo e seus companheiros que num lugar dizem que ouviram o som, noutro que não ouviram é facílimo de se explicar, bastante um pequeno conhecimento das línguas bíblicas originais. Num caso o verbo grego é no sentido de "ouvir", noutro de "escutar". Ora, qualquer pessoa "ouve" sons, mas nem sempre "escutam", no sentido de captar o sentido do som.

Então, isso explica claramente o que o autor bíblico quis dizer. Os que acompanhavam Paulo ouviram o som, mas não discerniram o que o som da voz dizia. . .

Assim, também há muitas outras distorções semelhantes nas supostas contradições. . .


Pois para mim a explicação acima é que parece uma distorção.
Avatar de usuário
RX
Forista
Forista
 
Mensagens: 1193
Data de registro: 01 Nov 2008 12:19

Re: Contradições bíblicas

Nova mensagempor Dr. Urubu em 24 Mai 2009 10:46

O autor não quiz dizer o que disse!!

parece o Zé Dirceu explicando os discusos do Lula, Ele não quiz dizer o que disse!!


p.s. existem cerca de 2.000 mil contradições bíblicas, até hoje não vi ninguem responder a essas contradições com argumentos convincentes;

exemplo: Quem é o pai de José "pai" de Cristo, Heli ou Jacó?

por favor não venham com árvore geneálogica de Maria!!!
Os judeus não fazim árvore geneálogica de mulheres, e outra José não era realmente o pai de Cristo,
é claro e EVIDENTE que existe uma resposta e essa resposta tem fundo político,


Saudações!!
Dr. Urubu
Forista
Forista
 
Mensagens: 407
Data de registro: 15 Mar 2009 11:19

Re: Contradições bíblicas

Nova mensagempor Nanda Lima em 25 Mai 2009 09:15

Brother A escreveu:
Que tal uma pequena demonstração de inesperadas evidências aqueológicas? OHHHHHHHHHHHH! :6 Aliás, quando a chamada Alta Crítica estava no auge, desfazendo ao máximo o conteúdo bíblico, pois os originais mais novos que existiam eram da Idade Média (escritos de 1.100 AD), um beduíno palestino descobriu por acaso os famosos rolos do Mar Morto que calou muito da crítica, pois confirou-se a antiguidade daqueles escritos. Os referidos rolos recuou 1.000 anos a data de material bíblico, e as discrepâncias de textos que se imaginava serem muitas, revelaram-se bem poucas, e irrelevantes. É mesmo? Irrelevantes? Realmente! Espera! Mostre... :lol:
Agora, estamos numa época em que os ateus e descrentes parecem num "auge" de seus ataques às Escrituras. Quem sabe, logo mais algo espetacular vem à tona novamente, como descobertas recentes e não muito divulgadas por razões nada nobres (o autor das descobertas é um arqueólogo amador, daí o "sistema" científico não lhe dá crédito. . .). Coitada da Bíblia, né? Todos os cientistas do mundo fizeram um complô contra ela. Então é por isso que não sabemos que as cobras realmente falam. Foram os cientistas que esconderam este fato de nós, meros mortais, para que não acreditemos na Bíblia, aquele tratado de Ciência fina...

Bem, mas primeiro, vejamos uma passagem bíblica que traz algo que talvez nunca chamou a atenção de vocês?

    Gálatas 4:25: Ora, esta Agar é Sinai, um monte da Arábia, que corresponde à Jerusalém que agora existe, pois é escrava com seus filhos.
O que é isso? Basta conferir em qualquer desses mapas que aparecem ao final de certas Bíblias e se sabe que o Monte Sinai fica no território anexo ao Egito. . . A Arábia está bem mais ao leste.

Pois é, vejam este vídeo, que é legendado em português:



Amém irmão! Agora eu acredito que a Bíblia é inspirada. E acredito também que o King Kong existe, porque o Empire State Building existe!!! :7


Ai, Zeus, lá vamos nós de novo... Mas tudo bem, tudo bem, tudo bem (Giz, de Legião Urbana).
Acima, respostas às tuas colocações, Brother A. ;)


Abraços :11
"Somos os filhos da revolução
Somos burgueses sem religião
Nós somos o futuro da nação
Geração Coca-Cola." - Legião Urbana
Avatar de usuário
Nanda Lima
Forista
Forista
 
Mensagens: 2500
Data de registro: 08 Abr 2009 15:01
Localização: ZOO STATION - BERLIN

Re: Contradições bíblicas

Nova mensagempor Nanda Lima em 25 Mai 2009 09:40

Brother A escreveu:
Não vou demorar-me em refutar cada uma das supostas contradições bíblicas (tudo isso já foi amplamente tratado) mas citarei apenas um exemplo, para verem como os descrentes, cuja motivação nem sempre é das mais elevadas (fugir à responsabilidade moral de certas restrições "inconvenientes" para a vida das pessoas)

Você, como sempre, não me surpreende. É como muitos crentes, que, quando vêem suas crenças criticadas, ao invés de atacar os argumentos, atacam O ou OS argumentadores. Ad hominem. E vem com essa historinha de "fugir à responsabilidade moral"! O que é responsabilidade moral para você? Guardar o sábado? Não tomar café? Grande coisa! Responsabilidade moral para mim é obedecer às leis, ser generosa, honesta e buscar a minha felicidade sem, contudo, prejudicar alguém. E as tais restrições inconvenientes, criadas por uma tribo nômade há milhares de anos atrás, não têm nada a ver comigo. Eu não sou nômade, não sou israelita, nasci no final do século XX e sei raciocinar. E, please, não julgue. Esqueceu do que Jesus disse?,

o caso de Paulo e seus companheiros que num lugar dizem que ouviram o som, noutro que não ouviram é facílimo de se explicar, bastante um pequeno conhecimento das línguas bíblicas originais. Num caso o verbo grego é no sentido de "ouvir", noutro de "escutar". Ora, qualquer pessoa "ouve" sons, mas nem sempre "escutam", no sentido de captar o sentido do som.

Então, isso explica claramente o que o autor bíblico quis dizer. Os que acompanhavam Paulo ouviram o som, mas não discerniram o que o som da voz dizia. . .

Conversão de Paulo
Em Atos (9:7) os acompanhantes ouviram a voz mas não viram nada. Em Atos (22:9), eles viram a luz mas não ouviram nada.

Que explicação ridícula que você deu professor. Que coisa horrível!
Olha o que os textos dizem, e veja que a questão é: EM UM TEXTO DIZ QUE ELES OUVIRAM A VOZ E NÃO VIRAM NADA, NA OUTRA QUE ELES VIRAM UMA LUZ E NÃO OUVIRAM A VOZ.
Agora, professor, explique:



Atos 9:7- E os homens, que iam com ele, pararam espantados,[size=150] ouvindo a voz, mas não vendo ninguém.


Atos 22:9- E os que estavam comigo viram, em verdade, a luz, e se atemorizaram muito, mas não ouviram a voz daquele que falava comigo.

Assim, também há muitas outras distorções semelhantes nas supostas contradições. . . ou será nas supostas explicações?
"Somos os filhos da revolução
Somos burgueses sem religião
Nós somos o futuro da nação
Geração Coca-Cola." - Legião Urbana
Avatar de usuário
Nanda Lima
Forista
Forista
 
Mensagens: 2500
Data de registro: 08 Abr 2009 15:01
Localização: ZOO STATION - BERLIN

Re: Contradições bíblicas

Nova mensagempor Poltergeist em 25 Mai 2009 10:08

Brother A escreveu:
Que tal uma pequena demonstração de inesperadas evidências aqueológicas? Aliás, quando a chamada Alta Crítica estava no auge, desfazendo ao máximo o conteúdo bíblico, pois os originais mais novos que existiam eram da Idade Média (escritos de 1.100 AD), um beduíno palestino descobriu por acaso os famosos rolos do Mar Morto que calou muito da crítica, pois confirou-se a antiguidade daqueles escritos. Os referidos rolos recuou 1.000 anos a data de material bíblico, e as discrepâncias de textos que se imaginava serem muitas, revelaram-se bem poucas, e irrelevantes.

Agora, estamos numa época em que os ateus e descrentes parecem num "auge" de seus ataques às Escrituras. Quem sabe, logo mais algo espetacular vem à tona novamente, como descobertas recentes e não muito divulgadas por razões nada nobres (o autor das descobertas é um arqueólogo amador, daí o "sistema" científico não lhe dá crédito. . .).

Bem, mas primeiro, vejamos uma passagem bíblica que traz algo que talvez nunca chamou a atenção de vocês?

    Gálatas 4:25: Ora, esta Agar é Sinai, um monte da Arábia, que corresponde à Jerusalém que agora existe, pois é escrava com seus filhos.
O que é isso? Basta conferir em qualquer desses mapas que aparecem ao final de certas Bíblias e se sabe que o Monte Sinai fica no território anexo ao Egito. . . A Arábia está bem mais ao leste.

Pois é, vejam este vídeo, que é legendado em português:





Hahahahahaha

O "autor" é um conhecido adventista safado e falsário. Suas "descobertas" fantásticas já foram comentadas aqui no Fórum:

Edmar escreveu:Segundo vários sites, a veracidade é indeterminada. No entanto dois fatos me chamaram a atenção e por eles concluo que não passa de uma farsa:

1) O fato de nenhum renomado instituto de história ou arqueólogo ter se interessado em comprovar o que o tal do Wyatt afirma;
2) O fato de Ron Wyatt ser um arquólogo amador e afirmar ter encontrado não só provas da passagem pelo Mar Vermelho, mas também a Arca de Noé, a Arca do Pacto, a localização de Sodoma e Gomorra, a Torre de Babel, a localização correta do Monte Sinai, o local verdadeiro da cruz de Jesus e as pedras contendo os Dez Mandamentos, chega ou está bom?

Much of this eRumor is based on the findings of Ron Wyatt, a colorful and controversial amateur archeologist who claimed to have found Noah's ark, the Biblical Ark of the Covenant, the location of Sodom And Gomorrah, the Tower of Babel, the true site of Mt. Sinai, the true site of the crucifixion of Jesus, and the original stones of the Ten Commandments. He was a passionate and sincere man, according to his supporters, but his critics abound and scientists and archeologists regarded him as an untrained maverick at best and there are some who regarded his as a fraud. Wyatt died from cancer in 1999.

FONTE: http://www.truthorfiction.com/rumors/c/chariot-wheels.htm

A verificação do Snopes: http://www.snopes.com/religion/redsea.asp

Brother, seu argumento não poderia ter sido pior...
A mentira teme a verdade. Afinal, você já viu "apóstatas" desassociando uma Testemunha de Jeová?

Procurando um assunto específico? Visite o Índice do Fórum: viewtopic.php?f=2&t=3230
Avatar de usuário
Poltergeist
Forista
Forista
 
Mensagens: 7764
Data de registro: 26 Fev 2009 16:57
Localidade: São Paulo

Re: Contradições bíblicas

Nova mensagempor Nanda Lima em 25 Mai 2009 10:12

AHAHAHAHAHAHAHAHAHA
"Somos os filhos da revolução
Somos burgueses sem religião
Nós somos o futuro da nação
Geração Coca-Cola." - Legião Urbana
Avatar de usuário
Nanda Lima
Forista
Forista
 
Mensagens: 2500
Data de registro: 08 Abr 2009 15:01
Localização: ZOO STATION - BERLIN

Re: Contradições bíblicas

Nova mensagempor Poltergeist em 25 Mai 2009 10:23

A mentira teme a verdade. Afinal, você já viu "apóstatas" desassociando uma Testemunha de Jeová?

Procurando um assunto específico? Visite o Índice do Fórum: viewtopic.php?f=2&t=3230
Avatar de usuário
Poltergeist
Forista
Forista
 
Mensagens: 7764
Data de registro: 26 Fev 2009 16:57
Localidade: São Paulo

Próximo

Retornar para Crenças, Doutrinas e História

Quem está online

Usuários vendo este fórum: Yahoo [Bot] e 16 visitantes